Cuiabá,

domingo, 14

de 

abril

 de 

2024
.

Fla vence o Bahia e é bicampeão da Copinha

Zagueiro Frauches e Negueba, de pênalti, dá o segundo título do Flamengo na Copa São Paulo


No dia do aniversário da cidade de São Paulo, quem fez a festa mesmo foram os cariocas. O Flamengo derrotou o Bahia por 2 a 1 e conquistou o primeiro título do ano, faturando a Copa São Paulo de Futebol Junior. O jogo foi dramático para os dois lados e o goleiro César acabou sendo o melhor em campo com belas defesas. Frauches e Negueba fizeram os gols rubro-negros e Rafael descontou para os baianos.

O Flamengo começou mais ofensivo do que de costume, já que o técnico Paulo Henrique optou por lançar Rafinha no time titular. O jogador havia sido um dos destaques do time na competição, mas sempre entrando no segundo tempo.

A princípio, o novo esquema mostrou resultado e logo aos sete minutos o Flamengo conseguiu abrir o placar. Adryan cobrou escanteio, a defesa do Bahia não conseguiu tirar a bola e Frauches dominou dentro da área com a perna direita e mandou um chutaço de canhota, como um verdadeiro centroavante, 1 a 0.

Entretanto, o time rubro-negro se acomodou com o placar e o Bahia passou a pressionar, exigindo muito do goleiro Cesar. Aos 30 minutos, a pressão surtiu efeito e numa bola cruzada, o atacante Rafael cabeceia na mão do zagueiro Marllon. O juiz marca pênalti e o próprio Rafael converte, deixando tudo igual. Na comemoração, ele tenta pular as placas publicitárias e acaba caindo na escadaria que desce para o vestiário, batendo com as costas.

O Bahia voltou ao segundo tempo muito melhor e parecia que ia fazer o gol a qualquer momento. Porém, aos 20 minutos, um lance mudou os rumos da partida. O zagueiro Eduardo fez falta feia em Lucas, que cai desesperado em campo porque machucou a perna e não tinha mais condição de continuar na partida. Ele chorou muito até deixar o campo, mas o destino estava ao lado dos rubro-negros, pois Thomas entrou em seu lugar e sofreu pênalti. O mesmo Eduardo que havia tirado Lucas de campo acabou sendo expulso. Na cobrança, Negueba chutou no ângulo e colocou o Flamengo novamente na frente.


Aos 47 minutos, Laércio, livre, chutou no canto direito e César fez uma defesa milagrosa salvando o que seria o gol de empate do Bahia. Com um a mais em campo, o time carioca passou a mandar no jogo e teve as melhores chances da partida. Faltando apenas alguns minutos para terminar, os rubro-negros passaram a segurar a bola e esperar o apito final para gritar “campeão”.


FLAMENGO 2 X 1 BAHIA


FLAMENGO: Cesar; Alex, Marllon, Frauches e Anderson; Muralha, Lorran, Negueba e Adryan (Pedrinho 24’/2°T); Rafinha (China 45’/2°T) e Lucas (Thomas 18’/2°T)
Técnico: Paulo Henrique

BAHIA: Renan; João Marcos (Valson 10’/1°T), Eduardo, Everton e Laércio; Anderson, Fernando (Joelinton 29’/2°T), Felipe, Brendon (Rodrigo 29’/2°T), e Roni; Rafael
Técnico: Laelson Lopes

GOLS: Frauches 7’/1°T (Fla), Rafael 30’/’°1T (Bahia), Negueba 22’/2°T (Fla)

CARTÕES AMARELOS: Marllon, Frauches e Anderson (Fla) Eduardo, Felipe (Bahia)

CARTÃO VERMELHO: Eduardo (Bahia)

LOCAL: Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)


ÁRBITRO: Vinícius Furlan (SP)

ASSISTENTES: Botelho Barbosa e Marcio Jacob (SP)

Notícias Relacionadas

Comentários

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here