Cuiabá,

sexta-feira, 19

de 

abril

 de 

2024
.

França 1 x 0 Brasil – Tabu de 19 anos e segunda derrota na Era Mano

Benzema marcou o único gol da partida aos oito minutos do segundo tempo


O tabu está mantido. O Brasil foi derrotado pela França, por 1 a 0, no começo da noite desta quarta-feira, no Stade de France, em Paris no primeiro amistoso de 2011 e completou 19 anos sem vencer a seleção francesa.


A última vitória aconteceu em 1992, em Paris, por 2 a 0. Os gols foram marcados por Rai e Luis Henrique e Carlos Alberto Parreira comandava a seleção. Esta foi a segunda derrota seguida de Mano Menezes como treinador da seleção. No final do último ano, o Brasil foi derrotado pela Argentina por 1 a 0.


Primeiro tempo
Tentando apagar à má lembrança do Stade de France, onde perdeu a decisão da Copa de 98, o Brasil começou a partida indo para cima e logo no primeiro minuto criou a primeira chance de gol. Daniel Alves arriscou de fora da área, a bola quicou na pequena área e complicou para Lloris, que fez bem a defesa.


A resposta do time da casa não demorou a sair. Aos oito minutos, Benzema recebeu em velocidade e bateu forte, cruzado e a bola passou raspando a trave direita do gol de Julio Cesar, que fazia seu retorno à seleção brasileira depois de sete meses, desde a eliminação do Brasil na Copa do Mundo da África do Sul.


Apesar de ter na escalação três volantes, o meio-campo do Brasil tinha bastante movimentação e encostava bem no ataque. Desta forma, Pato finalizou aos 13 e Robinho aos 35, ambos por cima do gol depois de tabelas com Elias.


Anderson Silva faz escola
Aos 38 minutos, o espírito de Anderson Silva, peso médio campeão mundial de MMA, baixou no volante Hernanes. Como se fosse o lutador brasileiro, o ex-jogador do São Paulo ergueu o pé e acertou o peito de Benzema. O árbitro alemão Wolfgang Stark não teve dúvidas e expulsou o volante brasileiro.


Homem de confiança
O time da casa retornou dos vestiários melhor e conseguiu abrir o placar logo aos oito minutos. Menez escapou pela direta, passou por André Santos e cruzou rasteiro. Livre de marcação, o oportunista Benzema apareceu no segundo pau para apenas desviar para o fundo das redes.


No minuto seguinte, Julio Cesar impediu o segundo gol francês. Sagna cruzou para a área, Menez ajeitou de cabeça e a bola sobrou para Benzema cabecear. O camisa um do Brasil voou no canto esquerdo para impedir o gol. Cinco minutos depois, o goleiro brasileiro evitou novamente o segundo tento francês.


Benzema recuperou a bola no meio-campo, cortou David Luiz e bateu cruzado. Julio Cesar caiu no canto direito e com o peito parou mais uma vez o ataque francês. Com um homem a mais, a França valorizava a posse de bola evitando que o Brasil chegasse ao campo de ataque.


FICHA TÉCNICA


França 1 x 0 Brasil


Local: Stade de France, em Paris-FRA
Árbitro: Árbitro: Wolfgang Stark (Alemanha)
Auxiliares: Jan-Hendrik Salver e Detlef Scheppe (ambos da Alemanha)
Cartões amarelos: Menez (França); Robinho (Brasil)
Cartão vermelho: Hernanes (Brasil)
Gol: Benzema, aos 8’/2T (França)


França
Lloris; Sagna, Rami, Mexes e Abidal; Diarra, M´vila (Diaby) e Gourcuff (Cabaye); Menez (Remy), Benzema (Gamiero) e Malouda.
Técnico: Laurent Blanc.


Brasil
Julio Cesar; Daniel Alves, Thiago Silva, David Luiz e André Santos; Lucas, Elias (André), Hernanes e Renato Augusto (Jadson); Pato (Hulk) e Robinho (Sandro).
Técnico: Mano Menezes.

Notícias Relacionadas

Comentários

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here