Foto:Luis Rodrigues


Com atuação de gala da defesa, em especial do Linebacker Igor Mota, e da parceira no ataque entre o Quarterback “Dandan” e o Wide receiver Bruno Loeschke, O Cuiabá Arsenal venceu o Leões de Judá, na noite de ontem, na Arena Pantanal e embolou de vez a Conferência Centro Oeste do Campeonato Brasileiro de Futebol Americano. O placar de 21 a 12 não relatou a superioridade do Arsenal, que apesar de sair atrás no placar, manteve o controle das ações na maior parte da partida que fechou a temporada regular do grupo.

Com a vitória o Arsenal confirmou o bom momento na competição. Após iniciar com duas derrotas seguidas, a tradicional equipe de Mato Grosso termina a temporada regular com quatro vitórias e duas derrotas, empatada com o próprio Leões de Judá e com o Sorriso Hornets. Com isso a ordem de classificação e consequentemente os confrontos nos playoffs serão definidos por sorteio.
 
O jogo
 
O Arsenal recebeu a bola para a primeira campanha e curiosamente a equipe não correu nenhuma vez com a bola, com um passe curto completo e dois incompletos, o ataque saiu de campo com apenas três jogadas.
 Logo na primeira campanha a equipe do Distrito Federal mostrou sua principal arma, em uma campanha longa, com diversas corridas e apenas um passe, o Leões atravessaram o campo e anotaram o primeiro touchdown da partida, tentaram a conversão de dois pontos, mas sem sucesso, 6 a 0 para os visitantes.
 
Logo depois a estrela de Igor Mota começou a brilhar. Em uma terceira descida do ataque do Leões o Linebacker derrubou o quarterback forçando uma quarta descida em um punt dentro da end zone. O time especial do Arsenal apareceu e bloqueou o chute, a bola saiu na linha de 21 jardas já do campo de ataque da equipe da casa.
 
Bastou uma jogada para a química entre Dandan e Bruno mostrar resultado, em um lindo passe na end zone, o recebedor do Arsenal ganhou da marcação, subiu para receber a bola e caiu para o TD, o Cuiabá acertou o ponto extra e passou à frente no placar, 7 a 6.
 
Na próxima campanha do ataque do time brasiliense, tudo caminhava bem, até que Igor Mota ameaçou blitz e voltou para marcar o passe, o QB Filipe forçou o lançamento e o linebacker do Cuiabá interceptou e avançou mais umas 20 jardas, posicionando mais uma vez o ataque já em território adversário. A boa jogada não rendeu pontuação, já que o kicker do Cuiabá errou a tentativa de field goal.
 
Já no terceiro quarto a defesa do Cuiabá sacou mais uma vez o QB adversário, que soltou a bola, recuperada por quem? Igor Mota!! Desta vez o Arsenal aproveitou o turnover e o running back Daniel Calejas correu 18 jardas sem ser tocado e invadiu a end zone do Leões, virada do Cuiabá. Com a conversão do ponto extra o placar marcava 14 a 6 Arsenal.
 
Ainda no terceiro quarto a parceria entre Dandan e Bruno produziu mais uma vez pontos para o Arsenal. Muito bem protegido pela sua linha ofensiva o QB do Arsenal identificou marcação homem a homem no lado direito, Bruno conseguiu mais uma vez se livrar da marcação e Dandan conectou uma bomba com seu recebedor de mais de 40 jardas, lindo TD da equipe da casa, 21 a 6.
 
Na última pontuação da partida, o Leões de Judá não modificaram seu modo de jogar e em uma campanha longa, carregada pelo jogo terrestre, a equipe conseguiu mais uma vez entrar na end zone do Cuiabá. Na tentativa de conversão de dois pontos, a defesa do Arsenal subiu o muro novamente e frustrou o ataque do Leões. Placar final 21 a 12 Arsenal. 
 
 
 

Por: Luis Rodrigues