Foto:Equipes de Várzea Grande e Campo Verde, campeã e vice da competição - João Felipe-Secel/MT


A edição que marcou o resgate dos Jogos Abertos Mato-grossenses terminou nesse domingo (15.12) coroando as melhores seleções municipais da categoria adulta nas modalidades de basquete, handebol, futsal e vôlei. Com a participação de mais de 70 equipes de vários municípios do Estado, a competição encerra o calendário anual de eventos esportivos realizados pela Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer (Secel).

“Terminaremos 2019, o primeiro de nossa gestão, com o sentimento de missão cumprida. Dos Jogos Escolares à vinda de grandes eventos esportivos, passando pela atenção ao futebol profissional, acho que conseguimos dar um salto grandioso ao fomento do desporto mato-grossense. E recuperar os Jogos Abertos depois de cinco anos sem sua realização é o fechamento perfeito de um ano de muitas conquistas”, comemora o titular da Secel, Allan Kardec.

Em três dias de competição, de 13 a 15 de dezembro, as seleções municipais se enfrentaram em partidas que começavam no início da manhã e prosseguiam até à noite, muitas vezes com mais de um jogo por equipe ao dia. As partidas foram realizadas nos ginásios Aecim Tocantins, Lixeira, Dom Aquino, Unic Beira Rio, ICE e AABB, de acordo com a modalidade.

Participaram dessa edição equipes dos municípios de Alto Garças, Araputanga, Cáceres, Canarana, Campo Verde, Cotriguaçu, Cuiabá, Lucas do Rio Verde, Pontes e Lacerda, Primavera do Leste, Pedra Preta, Rosário Oeste, Rondonópolis, São José do Povo, Santo Antônio de Leverger, Sinop e Várzea Grande. 

Após disputar a final contra Cuiabá, a seleção de Rondonópolis foi a campeã no basquete masculino. O terceiro lugar ficou com a equipe de Várzea Grande. A capital mato-grossense repetiu o vice-campeonato também na disputa feminina da modalidade que teve Araputanga como campeã e Várzea Grande em terceira posição.

Já no futsal, as equipes de Cuiabá conquistaram o ouro tanto no masculino quanto no feminino. As meninas de Primavera do Leste e de Lucas do Rio Verde levaram as medalhas de prata e de bronze, respectivamente.  E no masculino, a segunda colocação ficou com Cáceres e a terceira, com Várzea Grande.

O município várzea-grandense foi o vencedor da competição com a seleção masculina de handebol, em uma final disputadíssima contra Campo Verde. A equipe masculina de Cáceres alcançou a terceira posição. No handebol feminino, o pódio ficou com Campo Verde em primeiro, Santo Antônio do Leverger em segundo e Alto Garças em terceiro lugar. 

A modalidade de voleibol assegurou mais dois títulos de campeão ao município de Cuiabá que enfrentou e venceu Várzea Grande nas finais dos naipes masculino e feminino. A seleção masculina de Lucas do Rio Verde e a feminina de Rondonópolis ficaram com a terceira posição da modalidade.

Para o Geovane Mello, atleta da seleção campeã no voleibol e técnico de equipes de base, o retorno da competição da categoria adulta é um grande incentivo à consolidação da prática desportiva no Estado.

“Fico muito emocionado em voltar a competir e a ganhar os Jogos Abertos. Quero agradecer ao apoio da Fasipe, à nossa técnica Silvana e a toda nossa equipe de guerreiros. E quero parabenizar à Secel que resgatou o esporte em nosso Estado, envolvendo toda uma trajetória, desde os atletas na fase inicial, na escola, até os adultos. Essa continuidade é muito importante para o fortalecimento do esporte”, expressa o jogador que também foi premiado melhor levantador dos Jogos Abertos Mato-grossenses 2019.

Relatório final com resultados completos da competição: AQUI

 

Por: Da Redação com Cida Rodrigues / Secel - MT


Crédito: João Felipe / Secel/MT

Crédito: Cida Rodrigues / Secel/MT