O Dia do Motociclista será comemorado pela Prefeitura de Cuiabá com o lançamento do projeto Moto Educação. O evento será realizado no próximo dia 25 (sábado), das 9h às 16h, no Ginásio Verdinho, com palestras sobre direção segura, circuito educativo e vistoria gratuita das motocicletas.

“O projeto Moto Educação terá início com uma grande oportunidade para os motociclistas, nesta abordagem educativa, mas também será o pontapé inicial de ações permanentes que serão desenvolvidas em Cuiabá. Nosso objetivo é reduzir os altos índices de acidentes e, mais ainda, conscientizar estes condutores para um trânsito seguro para todos”, pontuou o secretário de Mobilidade Urbana, Thiago França.

O coordenador do projeto, Marcus Garé, do setor de educação para o trânsito da Pasta, destacou a questão social da iniciativa. “A grande maioria dos acidentes envolvendo motocicletas é causada pela imperícia dos condutores, já que o veículo proporciona maior mobilidade no trânsito. No entanto, os prontos-socorros estão lotados de acidentados, geralmente motociclistas. Daí, a ideia de que o projeto não seja apenas tratado de forma pontual para que o condutor crie hábitos de direção segura”, disse.

Ele comentou que as próximas ações do projeto ainda estão sendo desenvolvidas, mas podem abranger desde blitze para checar a documentação das motos e condutores, palestras de educação para o trânsito em empresas, escolas e pontos de mototáxi, além da realização de outros eventos que incluam o circuito educativo.

Durante o evento no Verdinho serão oferecidos gratuitamente os serviços de check-list e pequenos reparos na motocicleta, orientações de segurança através de vídeos e palestras, serviços de saúde, como aferição da pressão e taxa de glicose, exposição de equipamentos de segurança, instruções de pilotagem segura em um circuito educativo, vale-desconto para serviços nas concessionárias, sorteio e distribuição de brindes e apresentações artísticas.

São parceiros da iniciativa o Batalhão de Trânsito, Deletran, Comitê pela saúde no trânsito, Secretaria Municipal de Saúde, as concessionárias Canopus (Honda), Motoforte (Yamaha), Paddock (Kawasaki), a cooperativa de mototaxistas Coopermoto e a Ambev.

Por: Olhar Esportivo