Foto:Assessoria Carlos Molina


 O atual vice-campeão brasileiro de Tiro Prático reside em Cuiabá. Trata-se do subtenente da policial militar de Mato Grosso, Carlos Alberto Molina dos Santos, que atualmente trabalha na Escola de Formação e Aperfeiçoamento de Praças (ESFAP).

O atleta já está em preparação para o Campeonato Mato-grossense e Brasileiro deste ano, que começa em março. O objetivo é ir mais longe que o podium nacional. O competidor busca a classificação para Campeonato Mundial de Tiro, em 2017 na França.

A profissão já exige uma habilidade no manuseio de armas de fogo e boa pontaria. Só que em 2011, Molina uniu o útil à paixão pelo esporte: o International Practical Shooting Confederation (IPSC), modalidade de tiro prático que reúne numa só ação: precisão, potência e velocidade.  O esporte é subdividido em calibre de armas e classes.

Em 2013, Molina conquistou o título de Campeão mato-grossense e o feito se repetiu em 2014 e 2015, com a conquista do Tri. Em Mato Grosso, o campeonato é divido em seis etapas, realizadas em Cuiabá e interior do Estado.

Nacionalmente, o campeonato de IPSC também é realizado em seis etapas. Em 2015, Molina conquistou o 1° lugar na etapa Brasileira de Tiro em Gurupi-TO e em Santarém-PA, o que garantiu uma boa colocação no ranking e o fez vice-campeão brasileiro.

Vale frisar, que Cuiabá sediou em agosto de 2015, o Pan-americano de IPSC. Entre tantos gringos (argentinos, chilenos, paraguaios e até russos), cerca de 300 competidores, Molina conquistou a 6ª colocação na sua divisão.

O resultado positivo não é mero acaso. Molina realiza treinos diários em seco (sem munição) e uma vez por semana treina com tiro real (com munição). São 200 disparos, longe do ideal que seriam mil.

Além do treinamento, o vice-campeão brasileiro já participou de três cursos com o campeão Brasileiro Jaime Saldanha Junior (9º colocado no último mundial), é formado como Instrutor de Armamento e Tiro, e também credenciado como instrutor de tiro pela Polícia Federal, após rigoroso processo seletivo. 

Por: Redação


Molina treinando