Foto:Júnior Martins/Cuiabá Arsenal


 O Campeonato Mato-grossense de Futebol Americano, competição promovida pela Federação Mato-grossense de Futebol Americano (FMTFA), terá a partida final disputada entre Cuiabá Arsenal e Sinop Coyotes, no dia 11 de junho, a partir das 12h30, no Estádio Municipal Márcio Cassiano, em Jaciara (145 km da capital).

O Sinop chegou à final após derrotar o Sorriso Hornets, no último sábado (4), em Sorriso, pelo placar de 29 a 13. A decisão é uma reedição do confronto do ano anterior, quando o Arsenal foi campeão. A entrada será franca.

De acordo com o presidente da FMTFA, Júlio Cesar Garcia, o mando de campo é dos cuiabanos por terem a melhor campanha da competição. Mas, segundo ele, a partida não será realizada em Cuiabá por falta de local. A capital não tem estádio municipal em atividade e os mini estádios não comportam o público. Tal situação forçou a Associação Atlética Cuiabá Arsenal (AACA) a procurar lugares nas cidades vizinhas.

“O único estádio municipal de Cuiabá é o Presidente Eurico Gaspar Dutra, o Dutrinha, que está interditado desde março de 2015. Parado faz quase um ano e meio. Para ele voltar a funcionar é preciso realizar uma reforma que, dentre outras coisas, readequariam o espaço às normas de segurança atuais. Porém, a secretaria de esportes da capital não teve interesse de resolver. E disse que só pretende solucionar a questão em 2017. Descaso total com o esporte”, disse Júlio.

O vice-presidente do Cuiabá Arsenal, Marcelo Roversi, foi quem estabeleceu o contato entre a associação e a prefeitura de Jaciara. E, segundo ele, o prefeito Ademir Gaspar de Lima e o vereador Toninho foram amistosos e receptivos à ideia de sediarem o evento. O que teria sido determinante para o clube da capital decidir por deslocar a final de Cuiabá para Jaciara. Ainda segundo Roversi, a perspectiva é de alavancar a população da cidade para uma tarde de esporte.

“O prefeito Ademir Gaspar se demonstrou parceiro do futebol americano. Ele disponibilizou o estádio e também outros apoios, como ceder ambulância. E o apoio do vereador Toninho também foi fundamental. Nós do Arsenal estamos felizes pelo tratamento que recebemos. É raro um poder público que trate o esporte com respeito e que o incentive com ações. Estamos agradecidos e prometemos um belo espetáculo para a população”, diz Roversi.

Para o prefeito de Jaciara, Ademir Gaspar de Lima, a administração municipal está disposta a contribuir com a consolidação do futebol americano no município, com a ideia de que o esporte é essencial para distanciar o ser humano da violência e das drogas. Uma modalidade que ganha adeptos na cidade por meio da escolinha da Diretoria de Esporte, sob a orientação do educador físico Hércules Santana, com o nome de Jaciara Shamans.

“Sabemos que esse movimento esportivo cresce em Mato Grosso e por todo o Brasil. E nós não poderíamos ficar de fora disso. Acompanhamos desde o planejamento e é uma satisfação ver que o apoio dado resulta em um evento bem estruturado e organizado. No ano passado, Jaciara já foi palco de uma partida do Campeonato Brasileiro de Futebol Americano. Agora emplacamos essa nova experiência”, avalia o gestor.

Por: Redação