Foto:Wander Roberto (Guilherme na final contra o Amazonense)


 Um dos atletas da seleção mato-grossense escolar de Wrestling, Guilherme Porto, de 13 anos, conquistou medalha de prata na Luta Olímpica dos Jogos Escolares da Juventude (JEJs) de João Pessoa-PB, na categoria B (de 12 a 14 anos), no peso leve.

O presidente da Federação Mato-grossense de Jiu-jitsu e Lutas Associadas (FMTJJLA), Francisco José Pessoa Fernandes, o Chicão, explica que o menino venceu nas quartas de final o capixaba Abnner Emanuel Santos e na semifinal o paraibano Wenddell Wesley dos Santos. Na final, Guilherme perdeu para o amazonense Helisson Raí Bresson.

“A prata significou muito, pois sei o quanto dei meu máximo. Foram muitas horas de treinos técnicos e físicos. Com direito a fratura na clavícula e recuperação. Tive minhas falhas, reconheço elas e farei de tudo para melhorar. Acreditava que pegaria o ouro, mas não foi dessa vez”, analisou o jovem lutador.

Leia também: Índia Bakairi é ouro nos Jogos Escolares.

À disposição

O prefeito da capital de Mato Grosso, Mauro Mendes, reafirmou compromisso, em reunião realizada nessa quinta-feira (22), com a Confederação Brasileira do Desporto Universitário (CBDU) e a Federação Mato-grossense de Esporte Universitário (FMEU) para concretizar os Jogos Universitários Brasileiros (JUBs), planejado para 2 a 13 de novembro, em 20 ginásios de Cuiabá. Com participação de 5.000 mil atletas, técnicos e árbitros das 27 unidades federativas.

“É um megaevento esportivo que injetará cerca de 10 milhões na economia da capital. Os setores de alimentação, hotelaria e transporte sentirão impacto positivo na aplicação dos recursos. Isso gerará mais emprego e renda. E a prefeitura, visando o bem da população, apoia ao ceder profissionais da saúde, serviços de limpeza dos locais de jogos, na divulgação e ao ceder ginásios”, diz Alexandre Bregunci, presidente da FMEU.

Por: Redação


Reunião da FMEU com a prefeitura