Foto:Assessoria de imprensa Cuiabá Esporte Clube


O Cuiabá recebe neste sábado, às 18h, na Arena Pantanal, o Operário-PR na busca do inédito título da Série C. O Dourado tenta manter o bom desempenho em casa e terá com trunfo os mais de 40 mil torcedores que são aguardados para a partida. Além de um ataque potente, a defesa se mostrou uma verdadeira fortaleza e ainda não foi vazada na fase final do torneio.

Para fazer história, a equipe auriverde conta com o melhor ataque da competição além da força do conjunto que é sempre destacada pelo comandante da equipe Itamar Schulle. A última derrota do Dourado na Arena aconteceu na 9ª rodada da primeira fase, derrota por 1 a 0 diante do Bragantino, no dia 09 de junho.
 
“Desde a vitória contra o Luverdense no returno, nosso grupo se fechou e combinamos que precisávamos ter mais vontade dentro de campo, ter mais gana de vencer. Sabíamos que tecnicamente nosso time era muito bom e a partir do momento que o grupo passou a jogar com mais vontade, os resultados aconteceram naturalmente”, apontou o zagueiro Edson Borges.
 
Na primeira fase o Cuiabá atuou diante de sua torcida nove vezes, venceu sete e perdeu apenas duas, balanços as redes 19 vezes, (média superior a dois gols por partida) e sofreu apenas cinco. Na fase de mata mata o desempenho é semelhante, vitória por 2 a 0 diante do Atlético Acreano nas quartas de final e empate sem gols contra o Botafogo-SP na semifinal.
 
Ao analisar os resultados dos últimos cinco jogos do Cuiabá os números mostram boa campanha da equipe mato-grossense. São duas vitórias (2 a 0 contra o Atlético Acreano em casa e 3 a 0 contra o Botafogo-SP fora de casa) e três empates (Atlético Acreano fora 2 a 2, Botafogo-SP em casa 0 a 0 e Operário-PR fora 3 a 3) somando 10 gols marcados e cinco sofridos.
 
 
 

Por: Luis Rodrigues