Foto:Israel Prates/TVCA


 O Cacerense Esporte Clube não disputará o Campeonato Mato-grossense Sub-19. A diretoria do clube anunciou a desistência do estadual nesta quarta-feira (3), alegando dificuldades financeiras e ‘falta de apoio’.

Além disso, a cúpula da Fera da Fronteira considera injusta a forma como os grupos foram divididos. A equipe estava no grupo A, acompanhada de Luverdense e Sinop. “É sempre a mesma coisa, querem nos colocar no mesmo grupo do Luverdense, do Cuiabá. Só um time avança, então não tem condição. Não vamos jogar apenas para participar”, disse Romildo Silva, gerente de futebol do Cacerense.

Outro ponto que desmotivou a diretoria do clube foi a interdição do Estádio Municipal Luiz Geraldo da Silva, o Geraldão. “É um absurdo não termos lugar para jogar. Teríamos que mandar os jogos em Sinop, Poconé e até na capital. A logística não ajuda e o custo é muito alto”, pontuou o gerente de futebol.

Antes de anunciar a desistência, a diretoria do clube tentou acordo com a Federação Matogrossense de Futebol (FMF), mas não obteve sucesso. "Solicitei ao João Carlos (Oliveira, presidente da entidade) a mudança das chaves, mas não fomos atendidos. O campeonato não é democrático. Vamos focar agora nas outras competições de base, como a Copa FMF. Em breve anunciaremos nova comissão técnica para entrarmos fortes e buscarmos a vaga na Copa do Brasil", finalizou Romildo.

A FMF, em contrapartida, anunciou a inclusão de outros dois times ao torneio sub-19. Ação e Grêmio Sorriso disputarão o estadual e entram no grupo A. Com isso, se classificam os dois primeiros colocados de cada grupo, que formarão os grupos D, E e F através de sorteio.

Os finalistas do Mato-grossense Sub-19 garantem vaga na Copa São Paulo de 2018. O União é o atual campeão.

Confira: FMF divulga tabela básica do Mato-grossense Sub-19

Por: Jonathas Gabetel


Ofício de desistência do Cacerense