Foto: Dinho Zanotto - AGIF


Chapecoense e CSA mediram forças, na noite desta terça-feira (27), em jogo adiado da segunda rodada da Série B. E na Arena Condá, em Chapecó, as equipes não conseguiram tirar o zero do placar. Líder da competição, a equipe catarinense chegou aos 37 pontos. Enquanto o Azulão tem 25 e aparece na oitava posição. 

O jogo

As equipes fizeram um primeiro tempo muito estudado e de pouca inspiração na Arena Condá. A melhor chance do time da casa saiu aos 29 minutos, após cruzamento de Aylon que Anderson Leite não aproveitou. Dois minutos depois, Vini Locatelli também tentou para o Verdão. Do outro lado, o CSA teve maior controle da posse de bola, mas só foi assustou a defesa adversária, aos 43 minutos, em chute colocado de Allano. 

Na volta do intervalo, o jogo ganhou em emoção. Aos oito, Paulinho Moccelin levantou a bola na área, Anselmo Ramon chegou cabeceando de peixinho e viu Matheus Mendes fazer grande defesa para evitar o gol. A resposta azulina veio aos 11, em cabeça de Marquinhos, que explodiu no travessão. Na sequência, a Chape teve mais duas oportunidades com Aylon. A primeira tentativa parou no goleiro e a segunda passou perto. 

Insistindo no ataque, os catarinenses chegaram de novo com Anselmo Ramon, aos 21. Enquanto o CSA voltou a levar perigo em finalização de Rone, aos 30, mas João Ricardo salvou o time da casa. E toma lá, dá cá. Paulinho Moccelin parou em mais uma boa defesa do goleiro azulino. Paulo Sérgio tentou, aos 34, para o CSA e novamente o arqueiro da Chape fechou o gol. Aos 36, Anderson Leite por pouco não marcou para a Chape. E apesar das chances, o placar seguiu zerado até o apito final. 

Por: Da Redação com CBF