Olhar Esportivo - Corrida Bom Jesus bateu recorde de arrecadação de alimentos
Foto:Luiz Alves/Prefeitura de Cuiabá


 A 32ª edição da Corrida Boa Jesus de Cuiabá, tradicional prova de rua realizada pela Prefeitura de Cuiabá, por intermédio da Secretaria de Cultura, Esporte e Turismo, como parte das comemorações de aniversário de 299 anos da Capital, mobilizou milhares de corredores no último domingo (15). O primeiro a completar a prova de 10 km no masculino foi o corredor de Brasília, Jormem Freire Nascimento e no feminino,  a corredora de Campos do Jordão, Fernanda Raimunda.


Antes da largada, no Parque das Águas  foi feita uma homenagem a ex-servidora Taise Bertoncello com um minuto de silêncio e a entrega de um troféu para a família. A organização do evento utilizou ainda um laço preto em seus uniformes representando o luto pela servidora que faleceu  após um mal súbito, durante uma corrida de rua. Após a homenagem foi formado o pelotão de elite, com competidores brasileiros, quenianos, tanzanianos entre outros.

Para a Prefeitura de Cuiabá o grande destaque da 32ª Corrida Bom Jesus de Cuiabá foi o cunho social da competição. Este ano, a quantidade de alimentos arrecadados, que serão doados a entidades sociais, além de superar as 8,5 toneladas do ano passado, quadruplicou a quantia chegando a cerca de 30 toneladas.

“Para os 300 anos de Cuiabá, no próximo ano, essa corrida será mais linda, maior e sempre com esse caráter de inclusão social, com a arrecadação de alimentos para as pessoas que mais precisam. Ela é um sucesso e um orgulho para a Prefeitura de Cuiabá”, disse o vice-prefeito e atleta da modalidade Niuan Ribeiro.

Conforme o secretário de Cultura, Esportes e Turismo, Francisco Vuolo a corrida comemora o aniversário da cidade  ressaltando as suas qualidades e seus diferenciais. Sendo uma corrida de rua, está focada na qualidade de vida e lazer à população. Como também possibilitar aos atletas profissionais e amadores que com seus melhores resultados, possam atribuir pontuações a sua classificação nacional na Confederação Brasileira de Atletismo (CBAT) .  

“Além de revelar talentos, a corrida coloca nossa cidade em evidencia no circuito das provas de  ruas que acontecem no país a fora se  tornando um evento esportivo extremamente significativo, diante de atividades como o esporte e o lazer. Além disso, tem também uma missão social com o município. E este ano estamos muito felizes com a quebra desse recorde de arrecadação”, completou Vuolo.

Pessoas com deficiências (PCDs) participaram em massa da disputa, acompanhando o propósito da gestão humanizada uma demonstração do carinho e cuidado da gestão com essa parcela da população que precisa ser olhada com maior atenção. Na categoria cadeirante o vencedor foi o corredor de Cuiabá,  Gilberto Zmyslony.

“E muito bom e gratificante ver ser esforço retribuído com a vitória. Hoje deu tudo certo, o clima ajudou, e estou muito feliz. Eu tive uma lesão irreversível na coluna, mas a gente se habitua a viver nessa condição e agora resolvi me entregar ao esporte. É a primeira corrida que participo e deu certo!” disse com orgulho. 

Já o campeão da prova Jormem Nascimento que veio a Cuiabá pela primeira vez, elogiou a organização da prova  e a receptividade das pessoas.

“Participar de uma prova bem organizada como essa é muito bom. Cheguei aqui no sábado, senti o calor e fiquei imaginado como seria, mas Deus nos deu um clima maravilhoso. E estou saindo daqui com um excelente resultado. Provas como essas são importantes porque a partir dai surgem vários atletas, o esporte consegue resgatar crianças do mundo das drogas. Então, o  investimento que a Prefeitura de Cuiabá faz em ter uma prova como essa,  não é atoa. Pode ter certeza que as crianças se espelham em atletas como a gente e ai quem ganha é a sociedade”, assegurou  o vencedor.

A pasta promoverá dentro de alguns dias uma solenidade de entrega dos alimentos arrecadados junto com o Núcleo de Apoio a primeira-dama, Márcia Pinheiro e aa Secretaria de Assistência Social e Desenvolvimento Humano.
 

Por: Redação