Foto: Divulgação Cuiabá Arsenal


O Cuiabá Arsenal não para. O time da baixada cuiabana teve um projeto aprovado para a criação do intitulado Bola Oval Mudando Vidas, projeto social que visa promover o esporte nas comunidades carentes de Cuiabá e Várzea Grande e proporcionar às crianças projetos interdisciplinares que vão além do ambiente escolar.

O objetivo é que junto ao esporte, elas possam aprender saberes do dia a dia, como inglês e sociologia. E não é só isso. Eles também terão auxílio de profissionais como psicólogos, nutricionistas e pedagogos.

Risoleta Dias, Assessora de Desenvolvimento do Bola Oval Mudando Vidas, contou um pouco sobre a importância de projetos como esse.

“Hoje temos um grande índice de envolvimento das crianças e adolescentes em estado de ociosidade e abandono escolar, o que resulta em crianças perdidas, em áreas de risco, que não tem lazer. Em cima disso, eu desenvolvo o projeto social. Vai além da formação de atletas. No projeto tem um acompanhamento de notas das crianças para ver o desenvolvimento delas, o rendimento escolar no projeto. E se durante o projeto ela abandona a escola o projeto cobra”, conta.

A Bola Oval Mudando Vidas, se levada para frente, será muito válida e de grande acréscimo a sociedade. Afinal, ela irá contribuir com a lacuna deficiente do esporte existente na região, podendo futuramente inclusive encontrar grandes talentos.

Entretanto, para que isso funcione, o time precisa de patrocínios que contribuam com recursos de imposto de renda de pessoas jurídicas de grandes empresas.

Uma captação de recursos aprovada pela lei de incentivo federal está ocorrendo para que, todo este escopo, que foi estruturado de forma tão segura, saia do papel e comece o mais rápido possível a mudar vidas.

A empresa pode contribuir porque a Lei de Incentivo ao Esporte – Lei 11.438/2006 – permite que grandes empresas invistam parte do que pagariam de Imposto de Renda em projetos esportivos aprovados pelo Ministério do Esporte. As empresas (que lucram a partir de setenta e oito milhões) podem investir até 1% desse valor.

SEJA UM APOIADOR

Para contribuir com o projeto, basta entrar em contato com e-mail contato@cuiabaarsenal.com.br. Toda ajuda é bem-vinda!

Por: Da Redação