Foto:Federação Internacional de Judô


O judoca cuiabano David Moura (+100kg) começou o ano com bons resultados. Ele conquistou a medalha de bronze no Grand Slam da Rússia, em Ecaterimburgo, no dia 17 de abril. O duelo pelo terceiro lugar foi contra o austríaco Stephan Hegyi.

O resultado de David contribuiu para o Brasil terminar em quinto lugar no quadro geral da competição, com seis medalhas no total.
No ano passado também em Ecaterimburgo, o judoca de 31 anos foi o campeão do Grand Slam, após derrotar o georgiano Levani Matiashvili.

O próximo desafio do atleta é o Grand Slam da Turquia, nas próximas semanas.

David Moura é destaque mato-grossense do Judô mundial e depende dos cinco melhores resultados nas competições que antecedem os jogos olímpicos de 2020, para representar a seleção brasileira em Tokyo, no Japão.

Por: Da redação