Foto:Luis Rodrigues


 

No primeiro jogo da semifinal da Copa FMF entre Poconé e Dom Bosco, melhor para o Azulão, que marcou duas vezes e saiu vitorioso pelo placar de 2 a 0. Logo aos quatro minutos João Pedro abriu o Placar em penalidade máxima, na volta do intervalo aos cinco minutos Claudeci acertou belo chute e deu números finais à partida.

O placar não mostrou a verdade dentro de campo, as duas equipes jogaram bem e tiveram chances claras de gol. O Poconé inclusive chegou a perder um pênalti ainda no primeiro tempo, quando o placar ainda era de 1 a 0. O Dom Bosco se aproveitou de noite milagrosa do goleiro Jefferson, que fez excelentes defesas e até pegou pênalti. 

A equipe comandada por Giani Freitas foi mais efetiva e conseguiu converter duas boas chances em gol. Já o Cavalo Pantaneiro repetiu os mesmo erros das derrotas da primeira fase, criou boas oportunidades, mas não concluiu em gol.

O jogo:

O início da partida foi excelente para os torcedores do Azulão, logo aos quatro minutos de pênalti João Pedro abriu o placar para o Dom Bosco.

A partir do gol o Leão da Colina começou a jogar no contra ataque e deu chances para que o Cavalo Pantaneiro chegasse.

Na metade do primeiro tempo o Poconé teve a chance de empatar a partida, Romarinho saiu cara a cara com o goleiro Jefferson, na dividida o juiz assinalou pênalti, o time inteiro do Dom Bosco foi para cima do árbitro.

Luquinhas foi para a cobrança e bateu mal, a meia altura no canto esquerdo do goleiro, Jefferson fez a defesa e no rebote, Gabriel finalizou para fora.

Já nos minutos finais o Poconé chegou novamente com perigo, em jogada trabalhada pelo lado direito do ataque, Passarinho cruzou para a entrada da área, Lucas Fortes finalizou de primeira para mais uma boa defesa do arqueiro Jefferson.

No segundo tempo o Dom Bosco mudou a estratégia, começou a marcar pressão na defesa do Poconé. Deu certo, logo aos cinco minutos Luquinhas saiu jogando errado, Claudeci roubou a bola driblou o zagueiro e da entrada da área bateu forte, no ângulo direito, sem chances para o goleiro Bruno.

Aos 20 minutos Romarinho fez grande jogada pela esquerda, driblou dois adversários e parou em mais uma boa defesa do Jefferson. Na sequência o Dom Bosco teve boa chance em contra golpe, mas Matheus Vinicius se atrapalhou com a bola e perdeu a chance de ampliar o placar. 

Poconé Esporte Clube:

Bruno; Erick, Ludson, João, Gabriel; Popozinho (João Meirelle), Everton, Maycon (José Victor), Luquinhas; Gabriel e Romarinho

Técnico: Thiago Costa

Dom Bosco:

Jefferson; Wilson, Boré, Guilherme, Natal; Renato, Paulo Henrique, Claudeci, Kaian (Felipe); João Pedro (Matheus Vinicius), Ramão (Jô)

Técnico: Giani de Freitas

Cartões Amarelos: Jefferson (Dom Bosco), Claudeci (Dom Bosco)

 

 

Por: Luis Rodrigues