Foto: Peterson Campos


 O Tribunal de Justiça Desportiva de Mato Grosso (TJD-MT) decidiu, na noite desta terça-feira, pela perda de 03 pontos da equipe do Ação, pela escalação irregular do jogador Robson Silva Santos, na partida diante do Sinop, no dia 03 de fevereiro. 

Os auditores da 2ª comissão disciplinar entenderam que o Ação infringiu o artigo 24 do regulamento da competição, que prevê a escalação de até cinco jogadores amadores com menos de 20 anos. Mesmo sendo amador, conforme o BID da CBF, o atleta Robson possui mais de 20 anos e não poderia ser inscrito.

O advogado do Dom Bosco, Geandre Bucair, comemorou a decisão do TJD-MT.

- Era evidente a irregularidade praticada pela equipe do Ação. O regulamento da competição é taxativo, não dá margem para outras interpretações.

Com a decisão, mesmo após ter perdido 16 pontos em outro julgamento, o Dom Bosco escapa do rebaixamento, se classifica e vai disputar as quartas de final do Campeonato Matogrossense contra o Cuiabá, amanhã (21.03), às 20:45 horas, na Arena Pantanal.

Leia também: Técnico do Ação se esforça para jogadores focarem só dentro de campo.

Por: Redação