Foto:Marcello Zambrana/Fotojump


Aconteceram na tarde deste sábado (5), no Ginásio Professor Aecim Tocantins, as disputas das oitavas de final na modalidade basquete 3x3 dos Jogos Universitários Brasileiros.

As equipes femininas e masculinas enfrentaram o calor da capital mato-grossense na esperança de conseguir uma vaga na próxima etapa. Uma das universidades que se destacou até agora nessa modalidade, tanto no feminino quanto no masculino, é a Faculdade Maurício de Nassau (UNINASSAU–PE). Ingrid Magalhães, atleta do time feminino, tem o basquete como tradição de sua família e pratica a modalidade a mais de dez anos.

“Eu estou até parando de jogar porque já vou me formar, mas já fui pra mundial, já fui pra Universiade, tudo pela minha universidade”, contou Ingrid, que ajudou sua equipe a se classificar para a próxima fase ganhando de 15 a 3 da Universidade de Fortaleza (UNIFOR), e acredita ver seu time entre os três primeiros.

Enquanto para alguns o basquete é tradição, outros começaram por acaso. Kauane Firmino, da Universidade Paulista (UNIP) começou em 2005, ainda na escola.

“Eu estava na escola e o professor propôs uma aula de basquete, eu gostei e continuei a praticar”, lembrou a estudante de Educação Física. O time feminino da UNIP garantiu vaga na próxima fase da competição batendo a Universidade Federal de Alagoas (UFAL), por 16 a 7.

Já Thiago de Oliveira, também da UNIP, escolheu essa modalidade pela altura, e depois do primeiro contato com o basquete pegou uma paixão muito forte pelo esporte. O atleta estreou no JUBs em 2013 na versão de quadra do basquete e compete pela primeira vez no 3x3.

“Eu prefiro o três contra três porque é um jogo mais rápido, não precisa elaborar tanto a jogada quanto no de quadra”, opinou o atleta que joga basquete desde os 15 anos, e veio para o JUBs esperando encontrar adversários difíceis de superar. Apesar das dificuldades, o time masculino da UNIP também se classificou para as quartas de finais, e Thiago acredita na vitória.

“As próximas fases serão bem mais difíceis, mas se a gente jogar certinho eu acho que temos potencial pra levar uma medalha de ouro pra casa”, revelou o atleta após vencer a Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) por 21 a 5.

 

As quartas de finais do basquete 3x3 acontecem nesse domingo, das 9h30 às 11h15 da manhã no Ginásio Professor Aecim Tocantins.

Por: Gabriela de Lima