Foto: Assessoria Luverdense Esporte Clube


O retorno do futebol está próximo, e o Luverdense acaba de rescindir os contratos de três jogadores do elenco que disputou a primeira fase do Campeonato Mato-grossense 2020. Não fazem mais parte do clube o zagueiro Raphael, o meio-campista Mendes, e o atacante Gustavinho.

Atualmente com 21 anos, Raphael estava no clube de Lucas do Rio Verde desde 2016, quando chegou a estrear pelo profissional, com apenas 17 anos, no empate em 1 a 1 contra o Vasco da Gama, em São Januário, pela Série B. O zagueiro também foi emprestado duas vezes ao Cuiabá, para as disputas da Copa São Paulo. Porém, sempre fez parte do elenco profissional do LEC nas competições nacionais.

Outro liberado é o meio-campista Mendes, de 22 anos, que jogou pela base no sub-19, até chegar ao profissional. Ele disputou a Série C em 2018, posteriormente foi emprestado para União, Corumbaense e Cacerense. Em 2020, foi titular em sete jogos no Mato-grossense e marcou um gol.

O atacante Gustavinho, de 26 anos, também teve seu contrato rescindido. Ele acertou com a Penapolense-SP para a Série A2 do Campeonato Paulista. O jogador fez um jogo na Copa do Brasil e sete no estadual. Ele fez um gol no estadual, no duelo contra o rebaixamento diante do Mixto, no estádio Passo das Emas. Na ocasião, o Verdão do Norte venceu por 3 a 0.

Até o momento, o Luverdense não informou o seu replanejamento para a Série D 2020, que está prevista para setembro. O técnico Toninho Pesso, aguarda contato da diretoria para retomar aos trabalhos. Recentemente, o diretor de futebol, Helmute Lawisch, declarou crise no clube e ameaçou "fechar as portas". Seu filho, Guilherme Lawisch, é o atual presidente.

Por: Pedro Lima / da Redação