Foto: Ivonei em treinamento desta semana - Crédito: Santos Futebol Clube


O meia Ivonei, do Santos, foi promovido à equipe principal após se destacar nas categorias de base, onde chegou há sete anos. Ele chamou a atenção do técnico Jesualdo Ferreira em 2020. 

Em entrevista à série 'DNA', criada pelo Santos nas redes sociais, o jogador disse estar preparado para o desafio. Em breve ele deve realizar a sua estreia no profissional.

“Se o professor precisar, estou à disposição. Vou dar o meu melhor e chamar a responsabilidade que eu puxei na base. Estou preparado. Se for para ser o novo raio, é com o tempo”, destacou o jogador de 18 anos, de Rondonópolis.

No início deste ano, Ivonei foi um dos principais nomes da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Logo depois, começou a participar dos treinos com o time principal antes da paralisação dos campeonatos devido à pandemia do novo coronavírus. Inclusive, ele foi relacionado para o último jogo disputado, contra o São Paulo.

O contrato do meia com o Santos tem validade até 2023. A multa rescisória é alta, definida em 100 milhões de euros, cerca de 600 milhões de reais na atual cotação. Para ele, é um sonho realizado.

“Quando eu cheguei, eu sonhava (em virar profissional), mas não pensava que seria tão rápido. Pensei que seria lá para os 20 anos. Quando eu recebi a notícia, fiquei muito feliz. Vim de Mato Grosso, cheguei com 11 anos. Não tinha muita condição, morava com meu pai em uma pousada. Às vezes meu pai ficava sem comer e eu tinha alimentação no Santos. Ver aquelas coisas me motivou mais a correr atrás do meu sonho. Acho que estou no caminho certo”, completou Ivonei.

Leia mais: Série A tem 15 jogadores de Mato Grosso; confira escalação

Por: Pedro Lima / da Redação


Divulgação Santos Futebol Clube

Divulgação Santos Futebol Clube