Foto:Divulgação Mixtooficial


 Cacerense e Mixto fizeram o jogo de ‘desesperados’ no Geraldão, em Cáceres. O time mandante parecia que levaria a melhor, mas levou o empate no último lance. O placar final terminou em 2 a 1 na noite desta quarta-feira (8).

Leia também: União bate Dom Bosco e segue 100%

O primeiro tempo teve bastante equilíbrio, muito em função do gramado encharcado no Geraldão. Aos 17 minutos, Muller ganhou da zaga aos ‘trancos e barrancos’ e abriu o placar para o Tigre.

A vantagem abalou um pouco os mandantes e deu confiança ao Alvinegro, mesmo assim, a qualidade técnica do duelo não melhorou muito e os dois times fizeram jus à posição que ocupam na tabela.

O Cacerense voltou com mais energia na segunda etapa e o empate não demorou a sair. O volante Walter Jr (ex-Mixto) aproveitou cobrança de escanteio, a bola desviou na zaga e enganou o goleiro Flávio. Igualdade no marcador aos sete da segunda etapa.

A partir daí, as únicas chances de perigo foram criadas pelo time do interior. O meia-atacante Lolo acertou um balaço na trave aos 25. Dez minutos depois, o atacante Kaíque mostrou frieza para marcar seu segundo gol neste estadual, era a virada da Fera da Fronteira.

Final eletrizante

Nos últimos minutos, o Mixto teve o volante Sidinei expulso por cotovelada em Lolo. No último lance, a zaga do Cacerense ‘deu bobeira’ e cometeu pênalti. Pedro Augusto foi pra bola e deixou tudo igual.

Empate com gosto de vitória para o Tigre, que conquistou um ponto no último minuto e fora de casa contra um adversário direto. As duas equipes agora somam um ponto no Mato-grossense 2017. 

Veja a tabela do Mato-grossense 2017

Escalações

Cacerense: Bruno, Adriano, Édson, Rafael e Herme; Geragato, Walter Jr, Lolo e Railson; Roger e Kaique.

Mixto: Flavio, Marcos, Kevin, Kennedy e Lucas Franco; Pará (Sidinei), Felipe Delgado, Bida e Lukinha; Muller (Jefinho) e Pedro Augusto.

Por: Thiago Mattos