Foto: Lucão jogou a Copa Verde pelo Cuiabá em 2019 - AssCom Dourado


O zagueiro Lucão, 22 anos, recém-saído do Cuiabá após cinco anos no clube, recebeu proposta do Operário Várzea-grandense para a disputa da Série D do Campeonato Brasileiro 2020, além de times de outros estados.

Com a perspectiva de montar um elenco com atletas da região, e talvez uma comissão técnica local, em informação confirmada pelo presidente Éder Taques ao Olhar Esportivo, a diretoria do CEOV se reuniu com o jovem zagueiro na tarde desta quinta-feira (23) e formalizou uma proposta oficial visando a disputa que começa em setembro. O martelo pode ser batido na próxima semana.

Outras propostas

O zagueiro também tem proposta concreta do Goytacaz para jogar a Série B1 do Campeonato Carioca. O time do interior do Rio de Janeiro é comandado por uma nova empresa, que gerenciará o futebol do clube pelos próximos 10 anos. O projeto, inclusive, tem o tetracampeão Bebeto como embaixador.

Recentemente, o Goytacaz contratou o experiente volante Willians, com passagens por Flamengo, Corinthians, Internacional, Cruzeiro, Udinese, São Caetano, entre outros.

O União Cacoalense, de Rondônia, clube em que Lucão jogou o estadual em 2020, também tem interesse em levá-lo de volta. Porém, a equipe só terá a sequência do Campeonato Rondoniense em novembro.

Histórico

Lucão foi revelado nas categorias de base do Cuiabá. Pelo Dourado, foi campeão da Copa FMF em 2016, campeão mato-grossense em 2018, além de campeão da Copa Verde no ano passado. No primeiro turno da Série C em 2018, ele fez oito jogos como titular da equipe no primeiro turno. Na ocasião, o clube conquistou o acesso para a Série B, comandado pelo técnico Itamar Schülle.

Entre idas e vindas por empréstimos, ele teve passagens pelo próprio CEOV em 2017, Cacerense em 2019 e União Cacoalense em 2020.

Saiba mais: Operário não tem mais jogadores vigentes para Série D e deve usar elenco local

Por: Pedro Lima / da Redação