Foto: Pela décima rodada da Série B, Sampaio Corrêa venceu o Avaí e saiu da lanterna da competição - Créditos: R.Pierre/AGIF


No penúltimo jogo da décima rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, o Sampaio Corrêa-MA conquistou uma importante vitória para a sequência da competição. Neste domingo (20), a Bolívia Querida visitou o Avaí, na Ressacada, e venceu por 5 a 2, resultado que a tirou do último lugar da tabela de classificação.

Com o triunfo, a equipe maranhense subiu para o 18º lugar, com sete pontos – apenas um a menos do primeiro time fora da zona de rebaixamento. O Leão, com dez, desceu para a décima posição.

O jogo

O placar elástico da vitória do Sampaio Corrêa começou aos 12 minutos do primeiro tempo na Ressacada. Instantes após chegar com perigo, Caio Dantas teve outra oportunidade e não deixou passar. O goleiro Lucas Frigeri mandou a bola nos pés do atacante, que agradeceu o presente e finalizou para fazer 1 a 0. O Avaí até ensaiou uma reação, mas viu o time visitante ampliar aos 28. Pimentinha avançou em contra-ataque e deu passe preciso para Marcinho, dentro da área, estufar as redes. Depois, aos 38, Marcinho cobrou falta na área, e o zagueiro Daniel Felipe cabeceou para anotar o terceiro da Bolívia Querida. Antes do apito final, o Leão descontou com Rafael Pereira, que aproveitou escanteio cobrado por Valdívia para marcar de cabeça.

Na volta para a etapa complementar, o Sampaio Corrêa não diminuiu o ritmo ofensivo. A equipe maranhense levou perigo em chutes de Luis Gustavo e Pimentinha, mas foi Caio Dantas quem marcou novamente. Aos 24 minutos, Vinícius Kiss deu boa assistência para o camisa 9 chutar no canto do goleiro adversário e ampliar. Depois, o Avaí se lançou mais ao ataque e descontou aos 36, quando Arnaldo cruzou na área, e Gastón Rodriguez concluiu para dentro das redes: 4 a 2. Os minutos finais da partida seguiram com pressão do Leão, que não conseguiu reverter o placar negativo e ainda viu o Sampaio fazer mais um. No último lance do jogo, Jackson apareceu bem na área após cruzamento de Diego Tavares e finalizou caído para liquidar a fatura em Florianópolis: 5 a 2.

Por: Da Redação com CBF