Foto: Técnico Felipão assina até 2022 com o Cruzeiro - Divulgação Cruzeiro Esporte Clube


Ciente da necessidade de recuperação imediata dentro da Série B do Campeonato Brasileiro, a diretoria do Cruzeiro Esporte Clube acertou, na noite desta quinta-feira, a contratação do técnico Luiz Felipe Scolari. O novo comandante assina com o Maior de Minas até o fim de 2022. 

Além do presidente Sérgio Santos Rodrigues, a negociação também contou com o empenho do diretor Deivid e do consultor do departamento de futebol, José Carlos Brunoro. 

Natural de Passo Fundo (RS), Felipão tem um currículo extremamente vitorioso, com 27 títulos conquistados ao longo da carreira. Entre eles destacam-se: Copa do Mundo (2002), Copa das Confederações (2013) Copa Libertadores (1995 e 1999), Recopa Sul-Americana (1996), Campeonato Brasileiro (1996 e 2018), Copa do Brasil (1991, 1994 e 2012), Liga Chinesa (2015, 2016 e 2017) e Liga Uzbeque (2009).

Antes de comandar a Seleção Brasileira na conquista do Pentacampeonato Mundial em 2002, com 100% de aproveitamento, Luiz Felipe Scolari esteve à frente da equipe celeste nos anos de 2000 e 2001, tendo sido campeão da Copa Sul Minas, em 2001.

Além de todos esses títulos, o treinador também levou a Seleção de Portugal à final inédita da Eurocopa, em 2004, quando ficou com o vice-campeonato. Recentemente, em 2018, dirigiu o Palmeiras que se sagrou Campeão Brasileiro.  Nos 21 jogos sob seu comando, a agremiação paulista teve 84% de aproveitamento.

Ficha técnica - Felipão
Nome: Luiz Felipe Scolari
Nascimento: 09/11/1948
Naturalidade: Passo Fundo (RS)
Carreira: CSA (1982), Juventude (1983), Brasil-RS (1983 e 1984), Al Shabab – Riyadah (1984 e 1985), Pelotas-RS (1986), Juventude-RS (1986 e 1987), Grêmio (1987), Goiás (1988), Al Qadsia (1988 e 1989), Seleção do Kuwait (1990), Al-Ahli Saudi (1991), Criciúma (1991), Al Qadsia (1992), Grêmio (1993 a 1996), Júbilo Iwata (1997), Palmeiras (1997 a 2000), Cruzeiro (2000 e 2001), Seleção Brasileira (2001 e 2002), Seleção Portuguesa (2003 a 2008), Chelsea (2008 e 2009), Bunyodkor (2009 e 2010), Palmeiras (2010 a 2012), Seleção Brasileira (2013 e 2014), Grêmio (2014 e 2015), Guangzhou Evergrande (2015 a 2017), Palmeiras (2018 e 2019) e Cruzeiro (desde 10/2020).

Títulos: Campeonato Gaúcho (1987), Copa do Kuwait (1990), Copa do Golfo (1990), Copa do Brasil (1991), Copa do Brasil (1994), Campeonato Gaúcho (1995), Copa Libertadores (1995), Campeonato Gaúcho (1996), Recopa Sul-Americana (1996), Campeonato Brasileiro (1996), Copa do Brasil (1998), Copa Mercosul (1998), Copa Libertadores (1999), Torneio Rio-São Paulo (2000), Copa Sul Minas (2001), Copa do Mundo (2002), Liga Uzbeque (2009), Copa do Brasil (2012), Copa das Confederações (2013), Liga Chinesa (2015), Liga da Ásia (2015), Supercopa da China (2016), Liga Chinesa (2016), Copa da China (2016), Supercopa da China (2017), Liga Chinesa  (2017) e Campeonato Brasileiro (2018).

Por: Da Redação