Foto:Técnico do Mixto, Toninho Pesso. Junior Martins / Assessoria Mixto EC


O Mixto está tendo uma semana cheia de emoções. No domingo(03) passado, o Alvinegro sofreu uma derrota complicada dentro de casa, para o União na Arena Pantanal. Na quarta-feira(06), o Tigre se levantou e derrubou o CSA de Alagoas pela primeira fase da Copa do Brasil, equipe da Série A do Campeonato Brasileiro.

Já no próximo sábado(09), menos de 70 horas de diferença do término de um jogo para o início do outro, o Mixto encara o Cuiabá, líder do Mato-grossense, atual campeão estadual e que compõe a Série B do Brasileiro 2019.

“Com toda humildade, eu vejo o Mixto brigando pela potência que tem. Mas, depois de uma batalha dessa, eliminar um time da Série A, com poder aquisitivo que eles têm, um time de massa também e sábado eu tenho que estar em campo de novo. Está certo estar no campo sábado? Jogamos domingo, quarta e jogar sábado. Vocês acham que não tinha que adiar uma partida dessa? Será que vamos ter um espetáculo bom? O Mixto jogar com dois jogos na perna, com uma batalha que tivemos, uma guerra campal e pegar o Cuiabá com 10 dias de treinos, descansadinho, tranquilo, vocês acham que está correto esse tipo de jogo?”, indagou o técnico do Mixto, Toninho Pesso.

Em seguida, ele respondeu em forma de desabafo. “Não está, eu vou ser cobrado, porque de quarta já esquece para sábado. Não tinha que ter essa partida, está totalmente errado. Depois de uma classificação heroica, quantos anos que não classificava numa Copa do Brasil? 18 anos, olha se esse grupo não entrou para história, não é o Toninho, é o grupo. O Cuiabá descansa, 10 dias treinando para ir viajar na Copa do Brasil, enquanto a gente faz três jogos na semana. A torcida não quer saber, mas temos que ter coerência no futebol, é sentar na mesa e discutir sobre adiar essa rodada”.

De acordo com o técnico, o Mixto tentou antecipar o jogo contra o União, que aconteceu no domingo(03) passado, para sexta ou sábado, porém, não foi atendido por conta do direito de transmissão do Campeonato Mato-grossense.

Além disso, a Federação Mato-grossense de Futebol – FMF, divulgou tabela detalhada com a quarta e quinta rodada do estadual no dia 21 de janeiro, com o jogo do Cuiabá contra o Mixto marcado para o dia 9 de fevereiro, sábado, 18 horas, na Arena Pantanal.

Antes disso, todos os jogos estavam sem horários e com a data de domingo(10).

“O Cuiabá apenas voltou o jogo, não comunicou a gente. Como a gente quis antecipar o jogo contra o União, para sexta ou sábado, mas não pode, é o jogo da televisão. Calma aí, fizeram o melhor para eles e o Mixto se complicou, depois de fazer história. Eu tenho um grupo pequeno, como que eu vou ter um cara para correr daqui dois dias, não dá nem quase 72 horas e no mesmo nível do Cuiabá, não é desculpa, isso é desumano, o atleta profissional é um ser humano. Tem espaço para jogar esse jogo para frente e querem fazer esse tipo de situação. Está totalmente errado, é muito difícil isso que fizeram com a gente, não existe”, protestou o técnico Toninho Pesso.

Por: Da redação


Foto: Junior Martins / Assessoria Mixto EC

Foto: Junior Martins / Assessoria Mixto EC