Foto: Assessoria Luverdense Esporte Clube


O técnico Toninho Pesso, 34 anos, assumiu o Luverdense nesta quarta-feira (12), para dar sequência na disputa do Campeonato Mato-grossense. Toninho chega em um momento delicado, com a equipe na penúltima colocação, sem nenhuma vitória nos cinco jogos do ano, com apenas um ponto na tabela do Estadual e eliminada da Copa do Brasil.

Toninho Pesso teve passagens recentes por Mixto e União, que é o próximo adversário do Luverdense, em jogo que acontece no sábado (15), às 19 horas, pela quinta rodada do certame regional, no estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde.

Apesar do pouco tempo de treinamento até lá, o técnico frisa buscar uma mudança de perfil na equipe e novas ideias, para alcançar o resultado positivo dentro de casa.

“Sabemos da dificuldade do Mato-grossense, da dificuldade que é o jogo contra o União, mas dentro da nossa casa, que o Luverdense sempre foi forte, em toda sua história, a gente vai com muita humildade, com muito trabalho, buscar essa vitória. São poucos treinos, mas tenho certeza que dentro deles dá para colocar uma ideia de jogo, modificar um pouquinho o perfil da equipe, galgando passo a passo, uma caminhada nova no Mato-grossense, para buscar grandes coisas ainda nesse campeonato. Essa é a nossa ideia, o pensamento, junto com todos, unidos, de braços dados, com muito trabalho, dedicação, com todo o respaldo que a diretoria vem dando, para reverter essa situação, que com certeza o Luverdense não vai ficar. Os jogadores são capacitados, fica a expectativa do torcedor estar apoiando, porque vai ver uma cara nova, ideias diferentes”, disse o técnico Toninho Pesso.

Sobre a oportunidade de dirigir o Luverdense nesta temporada, Toninho admitiu o momento de dificuldade, mas pretende implantar uma filosofia que traga resultados em conjunto.

“A expectativa é a melhor possível, de vir trabalhar no Luverdense, uma equipe conhecida no cenário brasileiro, principalmente em Mato Grosso. Hoje passando por uma situação delicada, a gente vem para implantar a nossa filosofia de trabalho, nossas ideias, junto com os jogadores, com a comissão técnica, com a diretoria, e com o torcedor principalmente, que é o grande escudo do Luverdense”, completou.

Neste ano, o Luverdense estreou com empate em 1 a 1 contra o Dom Bosco no Passo das Emas. Depois perdeu os quatro jogos, para Nova Mutum, Cuiabá, Bahia de Feira-BA pela Copa do Brasil, e Poconé.

Por: Pedro Lima / da Redação