Foto:Divulgação


 Em cinco partidas disputadas como mandante no Campeonato Mato-grossense 2018 até aqui, o União E.C tem média de 463 torcedores* por partida no estádio Luthero Lopes. Número muito aquém do esperado para um dos clubes mais populares de Mato Grosso.

Em 2017, o União terminou o ano como time de Mato Grosso com maior média de público considerando-se apenas as séries B, C e D. Neste estadual, o retorno midiático com a vinda técnico Bolívar não teve o efeito desejado.
 
O maior público foi no jogo de estreia, vitória contra o Mixto por 2 a 1 diante de 704 pagantes, enquanto que o duelo contra o Sinop registrou o menor número, apenas 260 torcedores foram ao Luthero prestigiar a outra vitória Colorada na competição, também por 2 a 1.
 
A renda bruta somada das cinco partidas é de R$34 mil e ainda praticamente não houve lucro na bilheteria, com apenas R$9 mil de renda líquida. O gasto que o time do presidente Edicarlos Olegini tem com a realização das partidas é um pouco superior a R$5 mil por jogo.
 
O União joga neste sábado, às 15h, na Arena Pantanal, o jogo de volta das quartas de final diante do Operário. No duelo de ida, o placar ficou em 1 a 1.
 
ATUALIZAÇÃO (3 de abril): O UNIÃO ATRAIU 864 TORCEDORES NA SEMIFINAL DIANTE DO CUIABÁ, ELEVANDO A MÉDIA PARA 530 PAGANTES POR JOGO
 
 

Por: Thiago Mattos