Faaaala, meus fi. Simbora pra mais uma Análise do Gordinho sobre a rodada do final de semana. O Corinthians tá a até agora procurando a placa do caminhão que atropelou ele. E pra variar a rodada ainda teve polêmica com o VAR no jogo do Palmeiras, vitória do Grêmio no GRENAL, goleada do Santos e vitória do São Paulo. Falei também da vitória do Cuiabá sobre o líder do campeonato na Arena Pantanal.

Quero mais uma vez agradecer à Adidas do Pantanal Shopping pela moral que nos dá sempre na composição do cenário no cenário. Agora você já sabe, dá play e fortalece a amizade!

Sem tomar conhecimento do adversário, o Flamengo aplicou uma goleada em cima do timão, com hat-trick do Bruno Henrique e garantiu mais 3 pontinhos na tabela. O Mengão manteve a diferença pro segundo colocado. E ainda se garantiu por número de pontos na Libertadores do ano que vem. Vitinho completou a goleada com um golaço e Mateus Vital diminuiu de cabeça para o Corinthians que não suportou mais uma derrota de demitiu o Carille.

Lá no Alianz Parque os protagonistas do jogo foram o VAR e o goleiro Weverton, que pegou pênalti e fez mais milagres na meta do Palmeiras. A vitória do Verdão veio com o gol de Zé Rafael que bateu na trave e entrou. Mas o Ceará teve algumas chances que pararam no goleiro do Palmeiras e ainda teve um gol anulado pelo bandeirinha e o VAR. Pra mim tava na mesma.
E ainda teve a cena bizarra do árbitro que chegou a colocar as mãos nos bolsos para dar cartão pro jogador do Ceará, mas voltou atrás. Com a derrota o Vozão fica muito perto da zona de rebaixamento.

Essa rodada teve GRENAL e o Grêmio foi superior o jogo todo. Foi um gol pra cada tempo. O primeiro foi de Geromel e Rômulo aumentou no 2º tempo com um golaço que bateu no travessão e entrou. Ainda teve a expulsão do Marcelo Lomba que deu uma entrada criminosa e ainda reclamou. Não tem nem vergonha na cara. Com a vitória o Grêmio abriu 4 pontos pro Internacional na disputa pela vaga na libertadores. E o colorado caiu pra 7º, mas ainda está com a “vaga temporária da pré-libertadores”.
Na arquibancada quem roubou a cena foi a torcedora que comemorou sem camisa com os mamilos cobertos com um fita, na foto da comemoração (que está no vídeo), dá pra ver o Roger Flores dando uma espiadinha.

Em Chapecó, mesmo sem fazer um jogo genial, o São Paulo venceu a Chapecoense por 3×0, com gols de Bruno Alves,Vitor Bueno e Anthony. Mas pra mim o tricolor não fez mais que sua obrigação e só ganhou porque o Tiago Volpi teve uma atuação impecável. Foram pelo menos 4 defesas difíceis. Essa foi a primeira vitória fora de casa do Fernando Diniz.

O Santos goleou o Botafogo sem muita dificuldade. Com 2 gols em cada tempo, o peixe empurrou o fogão pra perto do Z4 e abriu 6 pontos pro São Paulo. Os gols do Santos foram de Eduardo Sasha, Marinho e Soteldo (2x), para o Botafogo quem marcou foi Igor Cássio. No intervalo do jogo, Marinho foi perguntado sobre o nome do gol e disse: “muita gente só me conhece por causa dos meses, mas vocês precisam me respeitar como jogador pq eu sou bom pra c!ˆ#%#. Marinho comemorou imitando o sinal do VAR, validando o próprio gol.

O nosso Dourado venceu o líder do campeonato por 2×0, com gols de Toty, aos 24 minutos da etapa inicial. E no apagar das luzes, aos 49 do segundo tempo, Felipe Marques fez o segundo do Dourado, depois de um escanteio que até o Julio César, goleiro do Bragantino foi pra área. Agora o Cuiabá chegou a 4 jogos de invencibilidade 10º com 44 pontos, 7 de distância do G4. O Jogo teve público de 3.200 pessoas e renda de R$ 36.965.