Cuiabá,

terça-feira, 30

de 

novembro

 de 

2021
.

Em jogo quente, Santos faz ressurgir ‘fantasma do Palestra’

SÃO PAULO – Depois de se classificar de forma dramática na primeira fase do Paulistão, o Santos mostrou força nesta semifinal para eliminar com autoridade o Palmeiras, que havia sobrado na etapa classificatória. Embalado pela vitória que obteve na Vila Belmiro, o Peixe se impôs na casa do adversário neste sábado, ganhou do Verdão por 2 a Apenas três dias depois de empatar com o Sport em casa (pela Copa Libertadores), a equipe dirigida por Vanderlei Luxemburgo caiu em seus domínios diante do Peixe e deu adeus ao sonho de conquistar o segundo título consecutivo do Campeonato Paulista. A síndrome de ser eliminado no Palestra voltou a assombrar o Verdão, que nos últimos anos deixou escapar chances de disputar a Libertadores e até de buscar títulos em função de tropeços em casa.


O time de Vágner Mancini se mostrou superior desde o início da partida deste sábado e balançou as redes com Mádson e Kléber Pereira, em cobrança de pênalti. Quando o Palmeiras estava com um jogador a menos (Maurício Ramos foi expulso no lance do pênalti), Pierre descontou com um chute de longe, que passou por entre as pernas de Fábio Costa, em uma falha incrível.


Nos minutos finais, o clima esquentou em campo com o desentendimento de Diego Souza e Domingos, que foram expulsos. O meia palmeirense ainda derrubou o adversário fora de campo, quando ambos já havia sido excluídos.


Com a classificação para a decisão garantida, o Santos aguarda para saber no domingo quem será seu adversário na final do próximo fim de semana. São Paulo e Corinthians disputam a outra semifinal, no Morumbi.1 e fez ressurgir o ‘fantasma do Palestra Itália’

Notícias Relacionadas

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui