Cuiabá,

segunda-feira, 26

de 

fevereiro

 de 

2024
.

Fla afunda Bota com gol de Imperador.

Fla afunda Bota com gol de Imperador.

Na rodada em que definiram os times que vão disputar o título na reta final do Brasileirão 2009, Adriano não passou em branco e garantiu os 3 pontos para o Flamengo fazendo o único gol do clássico no Engenhão em grande estilo Imperador, o jogador recebeu a bola partiu em velocidade, trombou com dois zagueiros e entre os dois na força e vontade bateu de canhota pra dentro do gol. No jogo o Flamengo dominou o primeiro tempo, abrindo o placar e criando varias chances desperdiçadas, já na segunda etapa o Botafogo teve mais o domínio, mas, Bruno (foto) pegou pênalti de Lucio Flávio salvando o rubro negro de um empate.

Com a vitória e com gol marcado por Adriano que tem média de 1 gol por partida em clássicos, os rubro negros confirmam 11 jogos desde 2007 sem perder confrontos cariocas no campeonato Brasileiro, foram 4 empates e 7 vitórias. O Flamengo alcançou os 51 pontos se mantendo na quinta posição e apenas 3 pontos do líder Palmeiras que perdeu na quarta feira para o Santo André fora de casa e anda pressionado pelos concorrentes.

O Bota termina a rodada em 18º empatado em pontos com Náutico e Santo André, todos com 32 pontos.

O fato marcado do clássico carioca foi que o Botafogo que mandou o jogo no Estádio do Engenhão perdeu a chance de ter uma maior renda de público se o jogo acontecesse no Maracanã.

Timão perde dentro de casa e Cruzeiro entra na briga.

O Cruzeiro que algumas rodadas atrás estava brigando na décima posição, passou a ser concorrente direto na briga por uma vaga na Libertadores da América e até chance de título. A equipe mineira foi até o Pacaembu e derrotou o Corinthians por 1 à 0 com gol de Gilberto, que após cruzamento rasteiro colocou para o fundo das redes e deu a vitória para a Raposa fora de casa. O Cruzeiro vai a sexto passando o Goiás e alcança 48 pontos, já o timão continua em 11º com 42 pontos e longe da briga já garantido na Libertadores 2010 pelo título da Copa do Brasil 2009.

Rogério Ceni faz gol de falta importantíssimo para o São Paulo

Em clássico eletrizante, com 7 gols, Santos recebeu o São Paulo na Vila, mas, permitiu que o tricolor vencesse e ganhassem os 3 pontos. O Santos não contava com Kleber Pereira, então o garoto camisa nove, André, aproveitou cabeçada de Rodrigo Souto no primeiro pau e concluiu e de cabeça fazendo 1 à 0 no jogo. Aos 11′, Hernanes sofreu falta e cobrou com força no ângulo para igualar o placar. O jogo chegou até os 25′ com chances de ambos os times, até que de novo Mádson cobra escanteio para vez de Rodrigo Souto na primeira trave desviar de cabeça e ampliar o marcador. Em lance muito parecido com o Primeiro gol do Peixe, Hernanes cobra escanteio, bola é desviada no primeiro pau e Washington marca de qualquer jeito e assim fica o primeiro tempo. O São Paulo inicia o segundo tempo melhor, demorou 15 minutos para Jorge Wagner depois de receber cruzamento de González, colocar o tricolor pela primeira vez na frente de pé direito. Pouco depois o Peixe chegou bem com Germano, tocou bola para Triguinho que levou para o fundo e cruzou perfeitamente para Róbson tirar de Rogério de cabeça, sem chance para o goleiro. Não deu tempo de comemorar muito, um minuto depois falta para o São Paulo na entrada da área, e ele, Rogério Ceni que não marcava há um ano, fez o gol da vitória batendo no contra pé de Felipe, que estava preocupado com a barreira e o goleiro do São Paulo usou a experiência e colocou no canto esquerdo. Rogério ainda foi expulso fazendo uma falta fora da área, mesmo assim foi o herói do clássico. O tricolor mantém a quarta posição com 52 pontos junto com Internacional, e recebe o time colorado no Morumbi quarta feira. O Santos fica em décimo terceiro e vai até Coritiba enfrentar o Atletico-PR quarta feira à s 18h30 horário de Cuiabá.

Inter e Coritiba vencem em casa

O clássico Gre-Nal teve somente um gol, D’Alessandro garantiu os importantíssimos três pontos para manter o Inter no G4 e seguir com chance de título, ainda por cima deixou o maior rival um pouco mais distante do G4. O gol dos colorados saiu do pé do argentino de fora da área, depois de lançamento de Kleber, Alecsandro escora de peito para o camisa 10, que chuta de longe e o goleiro Victor aceita.

Já em Coritiba, no estádio do Couto Pereira, os visitantes abriram o placar, Paulo Baier bate escanteio e o argentino Ariel contra faz 1 à 0 para o furacão. O jogador se redimiu, após jogada boa de Marcelinho Paraíba cruzando rasteiro, Ariel empatou o jogo. O coxa virou, Jéci camisa 5, aproveita bate rebate na área e coloca pra dentro. Paulo Baier de novo, encontrou um passe milimétrico para Marcinho, que entrou no segundo tempo e finalizou bem empatando mais uma vez o jogo. Aos 48 minutos o Couto Pereira foi a loucura, falta na linha de fundo, jogada ensaiada de Marcelinho com Marcos Aurélio, o jogador que também entrou no segundo tempo chegou de trás e M. Paraíba só rolou para ele chutar no fundo das redes definindo o clássico e distanciando o Coxa da Zona de rebaixamento. Marcos Aurélio que nasceu em Santo Antonio do Leverger – MT, 20Km de Cuiabá, e cresceu jogando na região.

O Coritiba chega a 37 pontos em 15º e encosta no Atlético-PR em 14º com 39.

Tardelli decide de novo

O Atlético Mineiro não decepcionou sua torcida, o time que vem com bela campanha a um ponto do líder, venceu por 1 à 0 o Vitória-BA com gol do artilheiro Diego Tardelli, o jogador fez boa tabela e encheu o pé de canhota, garantindo os três pontos para o galo e lutando pelo título. A torcida mineira bateu o recorde de público do time com 57.900 pagantes no Mineirão.

Outros resultados da 31ª rodada:

Goiás (2 x 2) Fluminense – O Goiás cai uma posição e vai para sétimo, e o Fluminense amarga a laterna do campeonato. Gols (Iarley e Romerito para o Goiás e Mariano e Equi González para os cariocas).

Náutico (2 x 1) Barueri – O Timbu passa o Botafogo e agora abre o Z4, já o time do Barueri continua em 12º com 41 pontos empatado com o Santos. Gols (Bruno Mineiro e Patrick para o Náutico e Márcio Careca do Barueri).

Santo André (2 x 0) Palmeiras – O líder da competição tropeça pela terceira vez seguida e o Santo André termina a rodada fora da Zona da degola. Gols (2 de Nunes)

Avaí (2 x 2) Sport – O Sport abriu dois à zero no placar e cedeu o empate. Catarinenses continuam na décima posição enquanto os pernambucanos continuam na vice-lanterna. Gols (Wilson e Luciano Henrique para o Sport e Marquinhos e Luis Ricardo para o Avaí).

Artilharia:

Adriano (Flamengo) Diego Tardelli (Atlético-MG) Gols: 16

Alecsandro (Internacional) Gols: 15

Jonas (Grêmio) Gols: 14

Marcelinho P. (Coritiba) Roger (Vitória) Gols: 13

Autor: Pedro Lima

Notícias Relacionadas

Comentários

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here