Cuiabá,

domingo, 25

de 

fevereiro

 de 

2024
.

Mixto repudia declarações de Deyverson e chama atacante de humorista e palhaço

Alvinegro ainda enfatizou que o jogador não conhece a história do futebol mato-grossense e nem quais são os verdadeiros clássicos do Estado

O Mixto soltou nota de repúdio pelas declarações do atacante Deyverson, do Cuiabá. Em trecho do texto, o alvinegro enfatizou que o jogador “está em processo de aprendizado para ser HUMORISTA, começando sua profissão no picadeiro de um circo na condição de PALHAÇO, função que exerce com competência”.

Após a vitória do Cuiabá em cima do Mixto, por 2 a 1, no Dutrinha, Deyverson fez um trocadilho com o nome do Alvinegro: “Misto é um misto, né?”. O atacante também frisou que o jogo entre Dourado e Tigre não é clássico.

O Alvinegro ainda declarou que o atacante não conhece a história do futebol mato-grossense e, por esse motivo, ele não sabe quais são os verdadeiros clássicos do Estado, com Mixto, Operário e Dom Bosco.

O Tigre afirmou que Deyverson deve respeitar os adversários e colegas de profissão. “Tratá-los com desprezo, deboche e desrespeito em nada acrescenta na sua carreira. Menos arrogância, antipatia e soberba são importantes para uma carreira de sucesso. Futebol não se joga só dentro de campo”.

Além disso, o Mixto ressaltou que o atacante precisa se informar sobre a história do Tigre, que possui o dobro de títulos estaduais e participações na elite do futebol brasileiro que o Cuiabá.

São 24 taças do Alvinegro no Campeonato Mato-grossense e 8 atuações contra 12 títulos estaduais e 4 participações do Auriverde.

Veja nota completa:

O Mixto Esporte Clube vem a público em nome da sua diretoria, investidores, sua apaixonada e comprovada maior torcida de Mato Grosso, REPUDIAR VEEMENTEMENTE as declarações em forma de deboche do atleta profissional DEYVERSON do Cuiabá Esporte Clube. Pontuamos abaixo algumas considerações às suas falas:

  1. Deyverson não conhece a história do futebol de Mato Grosso, por isso não sabe quem são Operário, Mixto e Dom Bosco. Esses sim fazem os chamados clássicos do nosso futebol;
  2. Deyverson deve respeitar seus adversários, principalmente seus colegas de profissão. Tratá-los com desprezo, deboche e desrespeito em nada acrescenta na sua carreira. Menos arrogância, antipatia e soberba são importantes para uma carreira de sucesso. Futebol não se joga só dentro de campo. Veja exemplos de Zico, Pelé, Cristiano Ronaldo, Messi, Ronaldo e tantos outros;
  3. Deyverson precisa saber ou se informar sobre a história do Mixto. Esse clube possui o dobro de títulos estaduais que o Cuiabá – 24 contra 12; Tem mais participações na elite do futebol brasileiro que o Cuiabá – 8 contra 4; Tem raiz e uma história apaixonante e muito rica; Certamente sem o Mixto o Cuiabá não existiria;
  4. Lamentamos, condenamos e repudiamos as declarações do cidadão, ainda atleta, Deyverson contra essa gloriosa instituição chamada Mixto Esporte Clube;
  5. Por fim, mas não menos importante, com essa postura só podemos entender que Deyverson já está focando na sua futura profissão, pois caminha para o fim da carreira. Está em processo de aprendizado para ser HUMORISTA começando sua profissão no picadeiro de um circo na condição de PALHAÇO, função que exerce com competência.

DEYVERSON, E TODOS, RESPEITEM O MIXTO!
RESPEITEM A HISTÓRIA DE QUEM TEM HISTÓRIA!
EXIGIMOS E GOSTAMOS DE RESPEITO!

Veja vídeo completo:

Notícias Relacionadas

Comentários

  1. O futebol é feito de emoção e graça. É comum o vencedor brincar com o adversário. Mixto é nome de um time tradicional do estado, mas nos faz lembrar de um sanduíche (feito com pão, queijo e presunto, prensados na chapa quente) que tem esse nome. O trocadilho é inevitável e os torcedores adversários do Mixto, brincam com esse jogo de palavras há anos. Então não há nada de novo na brincadeira feita por Deyverson e não entendo pra que essa nota de repúdio.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here