Os atletas quenianos Jacob Kemboi Kiprotichcame (masculino) e Ednah Mukwhana (feminino) foram os grandes vencedores da 29ª Edição da Corrida Pedestre Senhor Bom Jesus de Cuiabá, realizada na manhã deste domingo (12), na Capital. Participaram a partir das 7h da prova 5 mil atletas representando 12 Estados da Federação e ainda corredores vindos de 20 municípios do interior do Estado. O evento integra o calendário de comemoração dos 296 anos de Cuiabá, completados no dia 8. 

O percurso de 10 quilômetros, com largada em frente ao Parque Mãe Bonifácio, foi cumprido por Jacob em 30 minutos e 54 segundos, um pouco maior do que o tempo do ano passado (29´53”), o que atesta que o trajeto deste ano, que foi alterado, apresentou mais dificuldades. Os analistas consideram que esse aspecto valorizou ainda mais o desempenho dos atletas, que receberam o apoio entusiasmado da população que foi às ruas prestigiar o evento. 

Já na categoria feminina, oito atletas deram a largada no pelotão de elite, e com o tempo de 36 minutos e 13 segundos, chegou em primeiro lugar a queniana Ednah Mukwhana. A prova, que se apresenta já como uma das mais tracionais corridas de rua do País, atraiu centenas de pessoas que desde às seis da manha se misturavam aos atletas que começavam a se concentrar em frente ao Parque Mãe Bonifácia. 

Completaram as demais posições no masculino em 2º lugar Wellington Bezerra da Silva (de Barueri, SP) com o tempo de 30`57 (ano passado ele foi o vencedor com 29´53”); em 3º João Luiz Ferreira Prado Filho (31´16”); em 4º lugar Ronaldo Moraes Silva (31´46”) representando o Cruzeiro de Belo Horizonte; e, em 5º lugar Wendel Jerônimo (32´03”), representando Pontes e Lacerda. 

No feminino, chegou em 2º lugar Giovana dos Santos Pereira, baiana, moradora de Jateí (GO), com 36´13”; em 3º lugar Maria Silvânia Araújo (39´41”) representando a Viação Xavante de Barra do Garças; em 4º lugar Maria Regina Santos, com 40´15”; e, em 5º lugar Nadir Sabino, com o tempo de 43´47”. 

Prestigiaram o evento o prefeito Mauro Mendes e a primeira-dama Virgínia Mendes, ao lado de vários secretários municipais e autoridades, como o vereador Dilemário Alencar. Mendes elogiou a organização da prova que contou com a fiscalização da Federação de Atletismo de Mato Grosso. 

“Vimos com muita alegria o sucesso desse evento que contou com um grande número de participantes. Parabéns à secretaria [Cultura, Esporte e Turismo], aos servidores. Uma prova que teve a organização dentro dos padrões e participação da população. Evento que promove a saúde e dissemina a prática de esporte na Capital”, destacou Mauro Mendes, que foi muito cumprimentado neste domingo, dia em que completa 51 anos. 

Já o Secretário Municipal de Cultura, Esporte e Turismo, Alberto Machado, ficou bastante satisfeito com o resultado final da competição e promete aumentar o número de inscrições para o próximo ano. 

“Sem dúvida essa prova já faz parte do calendário nacional. Já vou começar a ´cantar` o prefeito para aumentar o número de inscritos para fazer um barulho maior”, brincou o secretário. 

No ano passado o trajeto da prova também teve a largada em frente ao parque Mãe Bonifácia. Os corredores pegavam a Avenida Filinto Muller, iam até a Arena Pantanal, e depois retornavam. Este ano, o percurso teve o mesmo ponto de largada, na Avenida Miguel Sutil, em frente ao Parque Mãe Bonifácia. Só que o percurso de 10 km da corrida teve uma alteração, com os corredores passando por trechos inéditos. 

A partir da largada, os atletas percorreram cerca de 4,5 quilômetros da Avenida Miguel Sutil passando pelos bairros Pedregal e Jardim Leblon, retornando na mesma extensão pela outra pista da Miguel Sutil, até atravessar o viaduto do Despraiado, em frente ao parque. 

Quer voltar - Nascido no Quênia, mas morando atualmente em Taubaté, interior de São Paulo, Jacob é patrocinado pela Caixa Econômica Federal. Foi a primeira vez que ele participou da prova em Cuiabá, considerada por ele, com uma das mais difíceis. “Foram muitas subidas, teve mais desgaste, mas graças a Deus deu tudo certo. Quero ver se no próximo ano estarei aqui novamente”, prometeu, ao lado de sua compatriota Ed, que também pretendeu voltar no próximo ano. 

O vencedor na categoria portador de Deficiência Visual deste ano foi Manoel Leite, que já havia vencido a corrida no ano passado. Manoel disse que superou muitas dificuldades, já depois de ter ficado sem treinar por seis meses, retornou aos treinos nos últimos 30 dias. “Foi um dos percursos mais pesados que já enfrentei. Procurei não forçar muito nas descidas para ganhar na subida, principalmente nos últimos mil metros finais. Mas valeu o esforço”, disse o atleta, que representa a Federação dos Trabalhadores nas Indústrias de Mato Grosso (Fetiemt). 

De acordo com Secretaria de Cultura, Esporte e Turismo, as premiações das demais categorias serão realizadas nesta segunda-feira (13), na sede da secretaria. A organização da Corrida Bom Jesus de Cuiabá foi desenvolvida por diversas secretarias municipais, em parceria com o Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Samu, 13º Brigada da Infantaria Motorizada, Federação de Atletismo de Mato Grosso, Água Mineral Excelência, Ótica Seu Filó e Herbalife. (Secom/PMC) 

CONFIRA A CLASSIFICAÇÃO E PREMIAÇÃO 

ELITE MASCULINA E FEMININA 

1º Lugar – Troféu + R$ 8.000,00 (Jacob Kemboi Kiprotichcame (30´54”); Ednah Mukwhana (36´13”) 

2º Lugar – Troféu + R$ 4.000,00 (Wellington Bezerra da Silva (30´57”); Giovana Santos Pereira (36´58”) 

3º Lugar – Troféu + R$ 3.000,00 (João Luiz F. Prado Filho (31´16”); Maria Silvânia Araújo (39´41”) 

4º Lugar – Troféu + R$ 2.000,00 (Ronaldo Moraes Silva (31´46”); Maria Regina Santos (40´15”) 

5º Lugar – Troféu + R$ 1.000,00 (Wendel Jerônimo de Souza (32´03); Nadir Sabino (43´47”) 

 

Por: Diário de Cuiabá