Vencer! Este é o objetivo de qualquer batalha. Mas quando a vitória não vem, a experiência de ter lutado é o trunfo dos guerreiros, neste caso guerreiras. É por isso que as meninas do Cuiabá Arsenal podem se considerar vitoriosas. Durante a 4º Edição da Taça Capital de Flag Football 5x5, elas sentiram o gosto de jogar com grandes times e analisar tudo que ainda pode ser melhorado. “O que estamos trazendo para Cuiabá é a experiência e a vontade de superação. Há muito para aprender e crescer enquanto equipe. Esta foi apenas a primeira batalha”, afirmou a presidente do time, Neuza Cristina Gomes da Costa.

Formada este ano, a equipe feminina do Cuiabá Arsenal ainda tem que superar a falta de entrosamento, a habilidade técnica das novatas, e muitos outros fatores que levarão a equipe ao pódio. “Sabemos que nenhuma conquista ocorre se não houver esforço. Mas precisávamos destes desafios para motivar nossas atletas. Tenho certeza de que a participação na Taça Capital, já mudou muita coisa dentro da equipe e, principalmente, nas posturas individuais”.

Para o treinador, Walter Monteiro, que acompanhou as jogadoras no torneio, este é um projeto novo que tem por objetivo criar um time competitivo para os próximos anos. Ele conta que elas estão treinando juntas há cerca de dois meses, ou seja, ainda em processo de  aprendizagem do esporte. “Nosso objetivo era participar da melhor forma possível e ganhar experiência com a competição. Todas as atletas estavam ansiosas para começar e deram o melhor de si. A cada jogo disputado elas apresentavam melhoras muito positivas”, explicou.

As meninas jogaram contra equipes que estão juntas de 3 a  4 anos e possuem jogadoras da seleção brasileira de flag football, o que representou muita coragem e ousadia. “Não tiveram medo e demonstraram garra e atitude. Com tão pouco tempo de treino entrar em uma competição desse nível não é fácil. Agora é voltar para os treinos e melhorar a cada dia”.

Participam da 4º Edição da TaçaCapital de Flag Football 5x5, o Brasília Alligators, Cuiabá Arsenal, CG Cobras e Jacarés do Pantanal. De acordo com o presidente do Cuiabá Arsenal, Paulo César Ribeiro, o clube dará todo o apoio para que o time feminino alcance os resultados desejados. “Estamos muito satisfeitos com o esforço e a garra das meninas em campo. Sabemos que este é apenas o começo de um trabalho que deverá ser aprimorado no dia a dia”, explicou.

Segundo ele, as meninas voltam a campo em julho, quando começa o 1º Campeonato Estadual de Flag 5 x 5. Enquanto isso, o time procura reforços. “Estamos em busca de mais atletas para compor o plantel”, pontuou Ribeiro. Atletas que quiserem participar do time podem comparecer aos treinos que ocorrem sábados e domingos, às 14h30, no Sesi Cristo Rei.

Por: Caroline Pinnow