Carlos Fernandes Neto venceu Walter Storck Júnior na final da 3ª etapa do Circuito Mato-grossense de Tênis, no adulto categoria 1ª Classe, com placar de dois Sets a zero e parciais de 6/2 e 6/0. A competição, promovida pela Federação Mato-grossense de Tênis (FMTT), teve início no dia 9 e terminou nesse sábado (13.06), no Cuiabá Tênis Clube, em Cuiabá, com participação de 70 desportistas. Agora a próxima etapa será realizada de 10 a 23 de agosto, com fases em diversas cidades do interior e capital.

O jovem campeão, Carlos Fernandes Neto, 16 anos, contou que voltou para Mato Grosso em abril deste ano, que antes, enquanto a família morava em Cuiabá, ele vivia em Itajaí – Santa Catarina, treinando para ser profissional de tênis desde os 10 anos, no Itamirim Clube de Campo, uma referência nacional da modalidade. Porém, segundo ele, algumas lesões corporais o impossibilitaram da realização desse sonho, o que lhe fez voltar para a terra natal. E encarar a prática do tênis de outra forma, agora apenas como momento de lazer.

“Neste ano fiquei em 5º lugar no Mundial realizado no Paraguai, na categoria 18 anos – ITF. E venci essa primeira etapa do Circuito Mato-grossense de Tênis, que foi a primeira que participei. E como voltei a morar em Cuiabá, vou participar das demais e, quem sabe, ser o campeão estadual de 2015. Nessa final contra o Storck procurei manter o jogo firme de fundo, até ele cometer erros e deixar as bolas curtas para que eu pudesse finalizar. Foi no segundo Set que consegui entrar 100% no jogo e o resultado veio”, comentou Carlos Neto. 

O vice-campeão, Walter Storck Júnior, engenheiro civil de 32 anos, é um conhecido veterano das quadras, praticante do esporte desde os dez anos de idade, preserva o tênis como um hobby. Nessa final, ele chegou a quebrar três raquetes, as cordas delas estouraram devido ao estilo de batida e, principalmente, pela força empenhada para acertar a bola. O atleta ressaltou o mérito da vitória do oponente, mas também se queixou de ter tido o preparo físico um pouco prejudicado por um virose, da qual ainda está em recuperação.

Campeão de Futebol Americano vence na 3ª Classe

O campeão de futebol americano com o Cuiabá Arsenal, Rodrigo Matos, engenheiro agrônomo de 23 anos, aposentado da bola oval, atualmente um tenista, venceu a 3ª etapa do Circuito Mato-grossense de Tênis, na categoria adulto 3ª Classe, com placar de dois Sets a um e parciais de 7/6, 6/7 e 10/06 versus Joilson Souza. Segundo Rodrigo, que já praticou tênis aos 12 e 13 anos, faz menos de um ano que retornou às quadras e essa foi a primeira participação em estadual. Ele contou que começou perdendo nos três Sets, mas que a confiança fez virar.

Referência do Tênis mato-grossense

De acordo com o presidente do Cuiabá Tênis Clube, Flávio Muller, 43 anos, também advogado e produtor rural, a parceria da Federação Mato-grossense de Tênis (FMTT) com os clubes da capital e interior são indispensáveis para fomentar o desporto do Tênis. Segundo ele, essa cooperação até já permitiu ao Cuiabá Tênis Clube sediar uma etapa do circuito nacional da modalidade. Flávio ainda destaca que os tenistas do clube sempre participam dos estaduais e costumam obter bons resultados.

“Para manter nossos tenistas motivados e competitivos para os torneios, nós temos utilizado de três ferramentas: campeonatos internos, ranking interno e confraternizações periódicas. Então, no intervalo das etapas estaduais do Circuito da FMTT, nós realizamos torneio internos para apenas os tenistas associados ao clube, mantemos os resultados deles organizados em um ranking e realizamos churrascos com todos para nutrir a camaradagem. E isso tudo estimulado por meio de um grupo que criamos no WhatsApp”, avalia o presidente Muller.  

 

Por: Junior Martins