Celebrado ao redor do mundo em 21 de junho o Go Skateboarding Day vem para promover a prática do skate e acontece nas principais cidades do mundo. Realizado anualmente em Cuiabá desde 2010, a edição desse ano acontecerá nos arredores da Arena Pantanal e contará com pista de skate, que estará aberta a partir das 14h, e shows de rock. Com entrada gratuita, o evento será encerrado as 22h.

Às 16h começam as demonstrações de atletas amadores e profissionais de Cuiabá nas modalidades Street e Minihamp, além do campeonato de longboard. No palco, os shows começam às 19h e até o fechamento dessa reportagem as atrações confirmadas eram: Billy Brown e o Incrível Magro de Bigodes, Última Forma e GOD is in the radio, nova banda de Theo Charbel.

Produzido pela ACS - Associação Cuiabana de Skate e pelo TOMA -  Espaço Musical, a edição cuiabana do maior evento de skate do mundo tem como principal objetivo a ocupação do entorno da Arena por meio do esporte, da cultura e da arte. Um ano após a Copa o espaço fora do estádio vem se transformando em um ponto de referência para praticantes de atividade física, famílias e turistas que nos finais de semana e feriados buscam no local uma opção de lazer.

“A galera do skate vem ocupando a Arena Pantanal desde o fim da Copa. De lá pra cá ela vem se transformando e cada vez mais pessoas aparecem por aqui. Inevitavelmente junto com isso também começou a rolar violência, drogas e até policial expulsando skatista, o pessoal tem até vídeo disso” comenta Taiguara Luciano, presidente da Associação Cuiabana de Skate.

Lucas Brandão, produtor do evento e músico da banda Billy Brown e o Incrível Magro de Bigodes que comumente se apresenta nos eventos de skate diz que o relacionamento entre o rock e o skate cuiabano são antigos. “Procuramos sempre trazer pra perto o pessoal do skate. Já fizemos evento com minihamp, no carnaval desse ano produzimos o Grito Rock na pista do Ginásio Verdinho e esse ano o Go Skateboarding Day promete ser o maior que já rolou, sendo que pela primeira vez contamos com o apoio do Estado”.

Por: Olhar Esportivo