Foto: Divulgação / Secel


O governador Mauro Mendes anunciou investimentos de R$ 3 milhões para os editais "Movimentar", que vão auxiliar financeiramente os profissionais dos setores cultural e esportivo afetados pela pandemia da covid-19. O anúncio foi feito nesta terça-feira (15), durante transmissão ao vivo pelas redes sociais do Governo de Mato Grosso.

A ampliação dos valores, que inicialmente seriam R$ 2 milhões, foi acordada entre o governador e o secretário de Cultura, Esporte e Lazer, Beto Dois a Um, com a presença do presidente da Assembleia Legislativa, Max Russi.

Construímos as condições para o estado cumprir o papel importante de ajudar aqueles que precisam. E hoje lançamos esses editais para que os profissionais da cultura e do esporte possam desenvolver os trabalhos usando novas tecnologias. É uma forma do poder público ajudar esses segmentos que precisaram parar suas atividades para proteger a sociedade. E vamos fazer mais um reforço, aumentando o recurso para contemplar ainda mais pessoas nesse momento”, declarou o governador.

Com o anúncio, cada seleção pública passa a contar com R$ 1,5 milhão, ampliando assim a quantidade de projetos atendidos. Inicialmente seriam selecionadas 250 propostas do setor cultural e mais 400 de esporte e lazer, porém, o número de projetos será revisto e relançado nos próximos dias.

Em vez de R$ 1 milhão de reais para cada área, agora teremos R$ 1,5 milhão para a cultura e R$ 1,5 milhão para o esporte, com isso a gente amplia a quantidade, a gama de pessoas atendidas. Agradecemos a sensibilidade do governador e do presidente da Assembleia Legistativa, Max Russi, aqui presente. A cultura e o esporte de Mato Grosso agradecem”, celebra o titular da Secel.

Como a intenção é minimizar as perdas dos trabalhadores que ainda sofrem os impactos das restrições de atividades, nos dois editais são considerados critérios econômicos e sociais, como renda, emprego e impacto financeiro da pandemia.

Para ampliar o número de beneficiados com recursos públicos neste período de crise sanitária, os processos seletivos não abrangem profissionais que foram contemplados nos editais realizados com recursos da Lei Aldir Blanc e nem aqueles favorecidos com o bolsa-atleta estadual.

Somente pessoas físicas domiciliadas em Mato Grosso podem se inscrever nas duas seleções públicas. Do total dos projetos a serem selecionados, a previsão é que 60% sejam de municípios do interior e, o restante (40%), de municípios da Região Metropolitana do Vale do Rio Cuiabá.

É importante dizer que esse programa vai ser acessível a cidadãos mato-grossenses dos 141 municípios do estado. Então, você de qualquer município, de qualquer região, vai poder se inscrever e, se for selecionado, vai apresentar seu trabalho e ser contemplado com esse recurso”, destacou Mauro Mendes.

As inscrições já estão abertas e prosseguem até o dia 09 de julho, devendo ser feitas exclusivamente pela internet. Para se inscrever, a orientação é ler o edital em sua íntegra e só depois acessar o formulário online para preencher os dados e anexar os documentos necessários.

Por: Da Redação com Secel