Com a conquista da Copa FMF pelo Clube Esportivo Dom Bosco no último domingo (13), a Copa do Brasil terá três representantes da baixada cuiabana na próxima temporada: Cuiabá (campeão estadual), Operário (vice) e Dom Bosco (campeão da Copa FMF).

O Azulão da Colina volta a Copa do Brasil depois de 13 anos, a única participação do Dom Bosco foi em 2003, quando acabou eliminado logo no primeiro jogo, diante do Sport Recife. Já Operário e Cuiabá se igualam ao Mixto, os três agora são os clubes mato-grossenses que mais vezes disputaram a competição nacional.

Chicote e Dourado vão para a sétima Copa do Brasil de suas histórias, sendo que o time do técnico Fernando Marchiori está pela terceira vez consecutiva, feito inédito no futebol local. Confira o ‘top 5’ dos clubes de Mato Grosso com mais experiência no maior torneio do futebol brasileiro.

Clube

Número de participações

Anos em que disputou

Operário

7

1995, 1996, 2003 2006, 2007 2015 e 2016

Cuiabá

7

2004, 2005, 2011, 2012, 2014, 2015 e 2016

Mixto

7

1989, 1990, 1997 2001, 2009 2013 e 2014

União

5

1991, 2000, 2005, 2009 e 2011

Luverdense

4

2010, 2012, 2013* e 2015

*Melhor participação de um time mato-grossense em todos os tempos, o Verdão do Norte chegou até às oitavas-de-final.

Três vagas

Em suas primeiras edições, a Copa do Brasil recebia apenas um clube de Mato Grosso. No ano 2000, o torneio aumentou consideravelmente seu número de participantes, passando a ter dois clubes do estado.

Em 2014, Mato Grosso alcançou a 14ª posição no ranking de federações da CBF, o que concedeu a Unidade Federativa mais uma vaga. Neste ano, o estado manteve seu posto.

Foto: Pedro Lima/Cuiabá Esporte Clube