Cuiabá e Operário pensam em 2016 enquanto que o Luverdense segue vivendo sua melhor fase na Série B.

 Luverdense

O Luverdense é o lider do 2º turno da Série B, o time de Lucas do Rio Verde somou 10 pontos em quatro jogos e limitou a 1% sua chance de rebaixamento. Os torcedores mais otimistas já sonham com o G-4, mas no momento a distância ainda é de sete pontos.

Na última sexta-feira, o clube derrotou o Macaé fora de casa pelo placar de 3 a 1. O próximo desafio do Lec é nesta terça-feira, diante do 16º colocado Atlético (GO), no estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde, às 18:30.

Ataque avassalador

O setor ofensivo do Lec marcou 27 gols em 23 partidas nesta série B, sendo que, apenas nos últimos quatro jogos, o Luverdense marcou 11 gols. Média superior a 2,5 por partida. A melhora no rendimento ofensivo explica a arrancada do Verdão do Norte.

Cuiabá

No dourado, o clima é de planejamento para 2016. O jogo do último domingo, diante do Salgueiro, terminou num 0 a 0 ‘sem graça’. O Cuiabá não tem mais chances de classificação e a distância para a zona de rebaixamento é de seis pontos, restando nove em disputa.

Tudo indica que o técnico Ruy Scarpino deve ser mantido para o ano que vem, salvo no caso de uma ‘tragédia’ e o clube acabar indo para a Série D. A equipe mato-grossense terá um 2016 de calendário ainda mais cheio, com estadual, Copa do Brasil, Sul-americana, Copa Verde e Série C.

Operário

Eliminado na Série D, o Operário folgou neste final de semana, o time já está sem treinador, pois Éder Taques pediu demissão. Quem comandará o Chicote na última rodada será o preparador físico André Sauma.

A diretoria trabalha com quatro nomes para assumir o clube no ano que vem: Ary Marques, Marcos Birigui, Ito Roque e Fernando Marchiori.

Curiosidade

O time de Várzea Grande tem a 39ª campanha dentre os 40 times da Série D.

Foto: Tiago Ferreira (Globoesporte.com)