Cuiabá,

sábado, 25

de 

junho

 de 

2022
.

Várzea Grande é o primeiro município do Estado a aderir projeto de artes marciais nas escolas

O projeto foi desenvolvido em quatro categorias: Judô, Jiu-jitsu, Boxe Muay thai, em 5 polos em diferentes pontos da cidade com as inscrições dos alunos interessados sendo feitas diretamente nas secretarias das escolas

A Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer em parceria com os irmãos Minotauro e Minotouro da Team Nogueira do Rio de Janeiro lançaram nesta quarta-feira, 23, no Ginásio Poliesportivo do Fiotão, o Projeto “Esporte para além das Fronteiras” a vai atender mais de 5 mil alunos das escolas da Rede Municipal de Várzea Grande.

O prefeito Kalil Baracat, acompanhado do secretário Silvio Fidélis, do deputado Estadual Paulo Araújo (PP), vereadores, secretários e autoridades municipais participaram do evento que reuniu várias escolas, alunos, professores, gestores, convidados e comunidade escolar.

Kalil Baracat destacou que as ações desenvolvidas na área da Educação em Várzea Grande vão além dos investimentos efetivos na infraestrutura como a construção, reformas e manutenção das unidades escolares. “Os avanços da Educação em Várzea Grande também são resultado das políticas públicas voltadas à valorização dos profissionais, além dos programas e parcerias que permitem o desenvolvimento educacional, cultural e esportivo dos estudantes da rede pública. Esse projeto lançado hoje vai promover além da prática de artes marciais o reforço de nossos valores básicos como Responsabilidade, Disciplina, Confiança, Perseverança, Espírito Esportivo, Trabalho em Equipe, Caráter, Compaixão e Respeito ao Próximo” afirmou.

Para Rodrigo Minotauro, único lutador na história a ganhar os cinturões dos pesos-pesados do UFC e PRIDE. “Para ser um faixa preto no esporte, é preciso primeiro ser um faixa preta na vida” reforçou durante a ‘aula-demonstração’ no Fiotão para os alunos que já estão inscritos no projeto.

Segundo Rogério Minotouro, o projeto “Esporte para além das Fronteiras”, que visa unir a prática esportiva e os valiosos ensinamentos das artes marciais à estrutura curricular das escolas, conta com uma coletânea de livros de autoria dos Irmãos Nogueira com Pedro Trengrouse e Felipe Piovesana, e já começa a ser implementado nas escolas do país a partir da adesão do município de Maceió e Várzea Grande.

“Estamos trabalhando nesse material há muitos anos e, com ele, buscamos transformar vidas por meio daquilo que as artes marciais nos ensinaram. O esporte pode alavancar a educação de uma forma incrível, além de influenciar em diversas áreas. Uma pessoa que pratica esportes e é saudável, por exemplo, ajuda positivamente a saúde pública, a segurança e assim vai se criando uma corrente positiva em diversos âmbitos. Eu e o Rodrigo (Minotauro) somos, acima de tudo, campeões da vida, e queremos criar muitos outros”.

O superintendente de Esportes, Jadir Pereira, disse que a meta da Secretaria é beneficiar cinco mil estudantes da rede municipal, com o objetivo da melhoria na qualidade de vida, do incentivo às práticas esportivas e a interação do jovem ao esporte promovendo a cidadania. “Todo o material para o desenvolvimento do projeto junto aos alunos como uniformes, kimonos, equipamentos de treinamento e até uma apostila do projeto (o Livro de Lutas e o Livro da Família) serão fornecidos gratuitamente pela prefeitura” afirmou.

No dia 22, na EMEB Abdala José de Almeida, no bairro São Mateus, profissionais da Inteligência Educacional e da Team Nogueira promoveram uma capacitação para os professores que irão atuar no Projeto junto aos alunos inscritos nas escolas.

O time de professores escalados para desenvolver o projeto em Várzea Grande incluem atletas campeões em várias categorias como: Rodiney Silva, professor de Boxe, bicampeão mato-grossense, treinador da seleção mato-grossense; Deborha de Oliveira, professora de Muay-thai, tricampeã brasileira; Novaldy Hernández, professor de Boxe, ex-atleta da seleção de Boxe de Cuba; Philipi Rodrigues, campeão da Copa Raça de Judô; Alessandro Correia, mestre em Taekwondo e Hapkido; Wanderson Pereira da Silva, instrutor de Jiu-jitsu, campeão da Copa Cuiabá de Jiu-jitsu; Eliane Moreira Parreira, campeã rondoniense de Judô; Ivan de Souza, professor de Muay thai; Lucas Gusmão, campeão mato-grossense de Muay thai e bicampeão mato-grossense de Boxe; Roger Minoru Iwasaki, vice-campeão brasileiro e professor de Jiu-jitsu; Edineia Felicia, especialista em fisiologia do Exercício e nutrição desportiva; Bianca Héllen, faixa marrom e bicampeã da JIF estadual; Manoel Acosta, bicampeão brasileiro de Boxe e Renan Martins de Andrade, vice-campeão brasileiro e professor de Jiu-jitsu.

Vindo a Mato Grosso especialmente para acompanhar o lançamento do Projeto, o prefeito de Ribeirão das Neves/MG, Moacir Martins da Costa Júnior se declarou impactado com a grandiosidade e organização do evento. “Queremos também implementar o Programa “Esporte para além das Fronteiras” em nosso município que está entre os sete mais importantes de Minas Gerais. Pela estrutura e organização da Secretaria de Educação de Várzea Grande, tenho certeza que o projeto aqui será um sucesso” afirmou.

Para o secretário Silvio Fidélis, a implementação do Projeto “Esporte para além das Fronteiras” em parceria com o Instituto Team Nogueira vai agregar e fortalecer ainda mais o fomento que a gestão Kalil Baracat/José Hazama vem promovendo nas áreas de Esporte e Lazer. “O incentivo à prática esportiva é muito importante para as crianças e adolescentes que estão em plena fase de crescimento e as atividades esportivas são fundamentais para auxiliar também na cultura dos valores humanos, na formação cognitiva e na evolução intelectual de nossos alunos” destacou.

O projeto será desenvolvido em quatro categorias: Judô, Jiu-jitsu, Boxe Muay thai, em 5 polos em diferentes pontos da cidade com as inscrições dos alunos interessados sendo feitas diretamente nas secretarias das escolas.

Notícias Relacionadas

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui