Cuiabá,

segunda-feira, 4

de 

março

 de 

2024
.

Zico diz que ainda deve contratar mais um atacante


Sem descartar a vinda de um novo zagueiro, diretor defende Rogério no caso com Fabrício e explica situações de Maldonado, Juan e Toró


Depois de apresentar Leandro Amaral, na última terça-feira, Zico deixou a Gávea afirmando que ainda busca a contratação de mais um atacante. Mas esta não deve ser a sua última contratação para o Brasileiro. O diretor-executivo admitiu que não descarta a possibilidade de trazer mais um zagueiro por conta da indefinição na regularização do David e da saída de Fabrício. Sobre este último caso, ele defendeu que Rogério Lourenço não pode ser responsabilizado pela transferência do jogador. Por fim, também comentou as renovações com Maldonado, Toró e Juan.


Apesar de já ter contratado Leandro Amaral, Val Baiano, Cristian Borja e Marquinhos, Zico ainda entende que precisa trazer um atacante mais renomado para fechar o setor ofensivo. O dirigente deu a entender que esse nome viria do exterior.


– Estamos correndo atrás. Temos até o dia 19 para inscrever alguém. Precisamos de mais um atacante. E também penso na possibilidade de trazer um zagueiro. Tem esse caso do Fabrício aí, o David ainda não foi regularizado, o Jean já tem dois amarelos… O campeonato é longo e estamos de olho nisso – explicou Zico.


Sobre a transferência de Fabrício para o Palmeiras, o diretor-executivo tratou de eximir Rogério Lourenço de culpa. Segundo ele, a responsabilidade de tudo isso estar acontecendo é das administrações passadas, que negociaram os direitos do zagueiro e colocaram no seu contrato a cláusula de que ele pode ser liberado.


– Acho uma sacanagem se quiserem colocar a saída do Fabrício na conta do Rogério. Eu não vou permitir que coloquem a torcida contra o Rogério por causa disso. As pessoas que estavam aqui fizeram esse contrato. Pelo o que eu entendi, era para o Fabrício ter se transferido para o Desportivo Brasil (da Traffic) em dezembro de 2009 e aí o clube nos repassaria ele em seguida. Não foi isso que aconteceu e agora estamos vendo isso tudo acontecer – disse Zico.


Por fim, o diretor explicou que as renovações com Maldonado (cujo contrato termina no fim deste mês), Toró (termina dia 31 de outubro) e Juan (31 de dezembro) ainda não foram resolvidas. Ele voltou a dizer que a situação com o volante chileno depende mais de um acerto do jogador com o empresário Juan Figger do que da vontade do Flamengo.


– Ele tem contrato com o empresário até o fim do ano. É o que eu disse antes: ele (Maldonado) é quem precisa resolver isso. Temos todo o interesse em renovar, mas isso só será feito quando tudo for definido. Sobre o Toró e o Juan nós ainda temos mais tempo para resolver e não há tanta pressa – explicou Zico.

Notícias Relacionadas

Comentários

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here